domingo, 21 de maio de 2017

II LigaPro: Portimonense vence em S. Miguel e é campeão

Golos algarvios foram apontados por Bruno Tabata e Paulinho (Foto: Filipe Farinha)
Santa Clara, 1 - Portimonense, 2
Triunfo garante título de campeão
O Portimonense sagrou-se este domingo campeão da 2.ª Liga ao vencer o Santa Clara por 2-1, com golos de Bruno Tabata e Paulinho, em jogo da 42.ª e última jornada.
O Portimonense, que já tinha assegurado a subida à Liga NOS a quatro jornadas do fim do campeonato, conseguiu arrecadar o título de campeão, sendo a equipa mais eficaz num jogo em que inaugurou o marcador mesmo antes do intervalo (45+2) e ampliou a diferença no segundo tempo (54). O Santa Clara 'salvou a honra' através de um golo de Guilherme, aos 65 minutos.
O Portimonense chegou primeiro à baliza do Santa Clara através de um cruzamento de Manafá para Pires, que cabeceou por cima da baliza de Pedro Soares.
A resposta da formação açoriana surgiu cerca de cinco minutos depois, com João Reis na esquerda a disparar para a baliza de Carlos, que 'voou' para segurar o nulo no marcador.
A equipa algarvia foi obrigada a fazer uma substituição prematura devido à lesão de Fidélis, que deu lugar a Ewerton aos 19 minutos de jogo.
Aos 42 minutos, Berny Burque construiu a jogada na direita que culminou com um remate em arco ao segundo poste, mas a bola saiu por cima da trave da baliza de Carlos.
Nos dois minutos de descontos atribuídos na primeira parte pelo árbitro Tiago Martins, o Portimonense conseguiu chegar ao 1-0, num golo de Bruno Tabata com um remate rasteiro numa jogada confusa, depois de vários ressaltos ganhos pelos algarvios.
Aos 54 minutos, Paulinho ampliou o marcador para o Portimonense aproveitando um erro do Santa Clara. Vítor Silva adiantou demasiado a bola e acabou por isolar o jogador algarvio, que correu para a grande área e, na cara de Pedro Soares, fez o 2-0.
Cerca de dez minutos depois, Vítor Silva corrigiu o erro do lance do segundo golo do Portimonense e impediu a corrida de Paulinho isolado, após uma perda da bola de Ruben Saldanha.
Aos 65 minutos, a formação açoriana reduziu a vantagem para 2-1, através de um excelente lance dos dois jogadores que tinham acabado de entrar em campo, com Hugo Santos a cruzar para o cabeceamento certeiro de Guilherme.
Aos 86 minutos, o Santa Clara teve tudo para igualar o marcador, mas Pineda rematou à trava na sequência de um livre marcado por Hugo Santos.
Já passava dos 90 minutos, quando o árbitro Tiago Martins foi bastante criticado pelos adeptos e equipa açoriana por cortar uma jogada de ataque, com Guilherme a dirigir-se sozinho para a área, alegadamente por falta sobre Sarpong.
No final da partida os jogadores e equipa técnica do Portimonense fizeram a festa no relvado do Estádio de São Miguel com cerca de 30 adeptos que acompanharam a equipa aos Açores.
Jogo no Estádio de São Miguel, em Ponta Delgada.
Santa Clara - Portimonense, 1-2.
Ao intervalo: 0-1.
Marcadores:
1-0, Bruno Tabata, 45+2 minutos.
2-0, Paulinho,54.
2-1, Guilherme,65.
Equipas:
Árbitro: Tiago Martins (AF Lisboa).
Santa Clara: Pedro Soares, Rui Silva, Accioly, Vítor Alves (Joel, 84), João Reis, Osama Rashid (Guilherme, 56), Pacheco, Ruben Saldanha, Pineda, Berny Burque (Hugo Santos, 56) e Clemente.
(Suplentes: Rodolfo, João Dias, Diogo Santos, Telmo Castanheira, Hugo Santos, Guilherme e Joel Silva).
Treinador: Carlos Pinto.
Portimonense: Carlos, Zambujo, Ivo, Lucas, Sarpong, Pedro Sá, Fidelis (Ewerton, 19), Paulinho (Chidera, 84), Manafá (Buba, 73), Bruno Tabata e Pires.
(Suplentes: Ferreira, Ewerton, Gustavo, Chidera, Buba, Fabrício e Brendon).
Treinador: Vítor Oliveira.
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Rui Silva (38), Ruben Saldanha (69), Accioly (75), Guilherme (77) e João Reis (90).
Assistência: 579 espetadores.
Autor: Lusa/MN

Sem comentários: