quinta-feira, 25 de maio de 2017

Abertura da 35.ª Conferência Internacional da CIRCOM

Conferência CIRCOM é importante oportunidade para o serviço público de rádio e televisão nos Açores, afirma Berto Messias
O Secretário Regional Adjunto da Presidência para os Assuntos Parlamentares salientou hoje, em Ponta Delgada, a “importância do trabalho" realizado pelas estações de televisão e rádio públicas de toda a Europa, apontando como exemplo o “importante papel da RTP para os Açores, ao longo de várias décadas”.
Berto Messias falava, em representação do Presidente do Governo, na abertura da 35.ª Conferência Internacional da CIRCOM, um encontro de televisões regionais europeias que decorre até sexta-feira
“Se hoje temos um sentido de união mais forte enquanto Açorianos, isso deve-se ao trabalho da nossa televisão regional que ao longo de décadas uniu as nove ilhas", afirmou o Secretário Regional na sua intervenção perante cerca de 160 delegados, profissionais e operadores de 30 países europeus.
"Aqui, falar de serviço público de televisão regional é falar de proximidade, de afetividade e da construção de uma Região mais unida e mais forte”, acrescentou.
Berto Messias frisou que, “é por isso que este evento é também uma grande oportunidade para o serviço público de rádio e televisão nos Açores", considerando que "estar integrado nesta importante rede de contactos e de discussão sobre os grandes desafios que as televisões regionais têm de enfrentar é fundamental para o futuro e, quando se fala em comunicação e nas novas tendências digitais, o futuro é já”.
O Secretário Regional apontou desafios que o presente coloca aos jornalistas, como o “jornalismo móvel (MoJo), os jovens nascidos neste século que são aquilo que consideramos como nativos digitais, a difusão de conteúdos através das redes sociais ou a disponibilização de conteúdos online”.
Para o titular da pasta da Comunicação Social, "as televisões e rádios públicas têm também a enorme responsabilidade de construir uma melhor democracia, de contribuir para construir uma Europa mais forte, com maior preocupação social e mais aberta ao mundo e ao respeito pelas diferenças”.
Berto Messias saudou a organização do evento e a Direção da RTP, representada pelo seu presidente, Gonçalo Reis, por terem “trazido este importante evento internacional para os Açores”.
“Para além das importantes discussões e formações que estes profissionais vão ter ao longo destes dois dias, a Conferência Internacional da CIRCOM é também uma oportunidade de divulgar os Açores em toda a Europa, dando a conhecer a nossa terra, as nossa dinâmicas económica e sociais, promovendo-nos, durante dois dias, numa rede de televisões regionais europeias que chega a milhões de pessoas de 30 países europeus”, salientou Berto Messias.
GaCS/TM/MN

Sem comentários: