sábado, 1 de abril de 2017

II Ligapro: Santa Clara perde e diz adeus ao sonho da subida

Anfitriões consolidaram segundo lugar
Desp. Aves, 1 - Santa Clara, 0
Ericson dá vitória em jogo de mau futebol
O Desportivo das Aves impôs-se este sábado, em casa, ao Santa Clara, por 1-0, num jogo da 34.ª jornada da 2.ª Liga, em que o mau futebol das duas equipas foi a nota dominante. Ericson marcou o golo que deu a vitória aos locais, aos 14 minutos, permitindo-lhes assim consolidar a segunda posição, agora com 64 pontos, e a candidatura à subida.
O Aves esteve melhor na primeira parte, foi mais ambicioso e acabou por ser premiado quando Guedes introduziu a bola na baliza do Santa Clara.
O Santa Clara, que chegou a este jogo com 51 pontos e com possibilidades de ainda lutar pela promoção, desiludiu, mostrando-se inofensivo a nível atacante.
O mau futebol foi uma constante, com muitos passes falhados, decisões erradas e falta de ideias das duas equipas.
Na segunda parte, o jogo ficou mais aberto porque o Santa Clara arriscou mais no ataque e o Aves recuou para junto da sua baliza e procurou segurar a magra mas preciosa vantagem.
Aos 52 minutos, numa das raras ocasiões de golo deste desafio, Guedes cabeceou à barra. Com o lateral direito Rui Silva em bom plano, o Santa Clara lançou alguns ataques pelo lado direito e conseguiu espaço para alguns cruzamentos, mas não passou disso e raramente criou situações claras de perigo e muito menos de golo.
Depois desse período, que durou cerca de 25 minutos, em que esteve sob alguma pressão e sofreu, o Aves recompôs-se e, sem jogar bem, acabou por segurar a vantagem alcançada ainda no primeiro tempo.
Num mau jogo de futebol, a vitória acaba por ficar bem ao Aves, porque foi a equipa menos má, e o Santa Clara foi uma completa nulidade no plano ofensivo.
Aves-Santa Clara, 1-0
Ao intervalo: 1-0
Marcador: 1-0, Ericson (14')
EQUIPAS:
Árbitro: Tiago Antunes (AF Coimbra).
Desp. Aves: Quim, João Amorim, Tiago Valente, José Pedro, Nélson Pedroso, Ericson, Erivaldo (Barry, 65), Bruno Alves (Yaya Bamba, 81), Pedró (Caetano, 71), Balogun, e Guedes.
Treinador: José Mota
Santa Clara: Serginho, Rui Silva, Accioly, Felipe Barros, Igor (Berny Burke,77), Diogo Santos (Guilherme Schettine, 45), Osama, João Reis, Saldanha, Adel Gamal (Pineda, 39) e Clemente.
Treinador: Carlos Pinto.
Ação disciplinar: cartão amarelo para Balogun (45'), Igor (45'+3) e Bruno Alves (60').
Assistência: cerca de 800 espetadores.
Autor: Lusa/MN

Sem comentários: