sexta-feira, 14 de abril de 2017

Conferência Internacional da OCTA Innovation

Governo dos Açores pretende alargar cooperação a territórios ultramarinos da União Europeia
O Secretário Regional Adjunto da Presidência para as Relações Externas manifestou hoje, na Lagoa, o interesse do Governo dos Açores em estabelecer “novas alianças” de cooperação com os territórios ultramarinos europeus.
“Estamos a falar de territórios que podem abrir não só um certo número de mercados interessantes para nós, mas podem abrir também alianças geopolíticas no mundo”, frisou Rui Bettencourt na abertura da Conferência Internacional da OCTA Innovation - Associação dos Países e Territórios Ultramarinos da União Europeia, que decorre durante dois dias no Nonagon - Parque de Ciência e Tecnologia de S. Miguel.
Na sua intervenção, o titular da pasta das Relações Externas sublinhou que esta é “uma organização interessante para os Açores como novo aliado dentro da União Europeia”, uma vez que dá “grande projeção à Europa no mundo”.
“Estamos agora a iniciar um processo de aproximação a esses territórios e a ver como é que podemos colaborar”, salientou Rui Bettencourt, sublinhando que, nesta fase, se trata de “trocar ideias” para depois se analisar em conjunto o que podem fazer uns com os outros.
Nesse sentido, o Secretário Regional frisou que, durante os dois dias de trabalhos desta conferência, “as empresas regionais vão mostrar o que é que inovam e confrontar essa inovação com aquilo que fazem as suas congéneres nesses territórios”.
A conferência vai debater temáticas como a sustentabilidade, as energias renováveis, a economia digital, a economia azul e verde, o turismo, a agronomia, a agroecologia, a educação e a cultura.
Nos trabalhos participam oradores dos Açores e provenientes da Nova Caledónia, Polinésia Francesa, ilhas Falkland, ilhas Cayman, Montserrat, Saint Barthelémy, Saint Helena, Aruba e Curaçao, entre outros.
“São territórios que estão em vários sítios do mundo, desde as Antilhas até ao Pacífico, mas todos têm em comum connosco o facto de serem ilhas e territórios pequenos, frágeis e muito longínquos da centralidade da União Europeia e, portanto, têm algumas preocupações comuns connosco”, afirmou Rui Bettencourt.
Para o Secretário Regional “o interesse é duplo”, frisando que, por um lado, se pretende dizer “que existimos e que temos boas práticas”, vendo que outras práticas existem e se podem ser cruzadas, e, por outro lado, “podermos ter eventualmente um mercado com alguns produtos nossos”.
Na sessão de abertura da conferência foi divulgado pela primeira vez o 'spot' promocional dos Açores que será o vídeo de apresentação do arquipélago no exterior, no qual, além das paisagens, é dado um forte cunho ao sentimento açoriano e à cultura açoriana.
Ainda hoje, ao final da tarde, decorre na Igreja do Colégio, em Ponta Delgada, a cerimónia de entrega dos BIC Awards (Business Innovation Creativity), que distinguem pessoas e entidades que se destacaram nas áreas de negócios, inovação e criatividade nos países e territórios ultramarinos.
GaCS/SN/MN

Sem comentários: