quarta-feira, 15 de março de 2017

Governo dos Açores prevê investir, em 2017

Governo dos Açores vai investir 79 milhões de euros na educação, cultura e desporto
O Secretário Regional da Educação e Cultura (SREC) afirmou, na Assembleia Legislativa, na Horta, que o Governo dos Açores prevê investir, em 2017, ano de arranque de uma nova legislatura, mais de 79 milhões de euros nos setores da educação, cultura e desporto.
Na área da educação, segundo Avelino Meneses, além das obras nas escolas Canto da Maia, em S. Miguel, e da Calheta, em S. Jorge, o Executivo açoriano prevê avançar com a empreitada da escola das Capelas “na segunda metade deste ano” e aumenta as dotações para beneficiação e reabilitação de instalações escolares, “um investimento a reforçar ainda mais a médio prazo, uma vez concluído o parque escolar da Região”.
O Secretário Regional, que falava no debate das propostas de Plano e Orçamento para 2017, salientou ainda, como prova da “atenção concedida pelo Governo à educação”, o reforço das verbas com a Ação Social Escolar e com os projetos para aquisição de equipamentos e tecnologias didáticas e pedagógicas, como garantia do desenvolvimento do ProSucesso - Açores Pela Educação, plano integrado de promoção do sucesso escolar, que teve início no ano letivo de 2015/2016.
Na cultura, com um investimento global de 13 milhões de euros, Avelino Meneses referiu que se aguarda o visto do Tribunal de Contas relativo ao Museu Francisco Lacerda, em S. Jorge, para que, em conjunto com o núcleo museológico de Vila do Porto e o Ecomuseu do Corvo, cujas projetos decorrem, o Governo concretize “o propósito de dotar todas as ilhas dos Açores de uma instituição museológica de qualidade”.
Na sua intervenção realçou ainda que, na proposta de investimento regional para 2017, há um “acréscimo de fundos” para as escolas de formação, para rede de leitura pública, para a orquestra regional dos Açores, Banda Lira Açoriana, para a dinamização cultural e para o programa de apoio às sociedades recreativas e filarmónicas - SOREFIL.
O Secretário Regional da Educação destacou, por outro lado, o aumento superior a 380 mil euros, integralmente suportado pelo do orçamento regional, das verbas destinadas ao desporto, cujo investimento em 2017 atingirá os 10 milhões de euros.
Além da conclusão do Pavilhão de Judo de S. Jorge e do Polidesportivo de Santo Espírito, em Santa Maria,  Avelino Meneses  sublinhou que, no seu conjunto, o aumento das dotações com projetos em curso e novas ações vão garantir, por um lado, que as atividades físicas desportivas sejam “um direito de todos e jamais um privilégio de alguns”, e que na procura do “paradigma da excelência”, em termos do desporto de competição, seja possível colocar atletas dos Açores na disputa pela entrada em Jogos Olímpicos e Paralímpicos, como já sucedeu no verão passado, no Rio de Janeiro.
GaCS/PB/MN

Sem comentários: