sexta-feira, 10 de março de 2017

'Cidadão do Corvo, Cidadão da Europa'

Rui Bettencourt manifesta satisfação pelo envolvimento dos Corvinos no Dia da Europa
O Secretário Regional Adjunto da Presidência para as Relações Externas considerou ter sido “muito gratificante” o envolvimento da população corvina no processo de decisão relativo a uma intervenção de arte pública a realizar na mais pequena ilha dos Açores a propósito das comemorações do Dia da Europa.
Rui Bettencourt, que falava quinta-feira, no Corvo, no final de um encontro com a população, salientou que este envolvimento é "um marco naquele que é o território mais ocidental da Europa, tendo, por isso mesmo, um significado muito particular o que se está a passar neste processo".
“Foi uma grande satisfação este encontro com os Corvinos porque se tratou de preparar, com a população do Corvo, a comemoração do Dia da Europa de 2017”, afirmou Rui Bettencourt, sublinhando a adesão e a participação da população neste ato público, integrado numa série de ações de cidadania europeia e que é também "um ato de cidadania", através do qual a população da ilha decidiu que Corvino será representado nesta obra.
Esta obra de arte pública, da autoria de Daniel Eime, será inaugurada no Dia da Europa e representará um Corvino e Jacques Delors, um europeísta que foi o pai da União Europeia.
Na votação realizada no âmbito da ação 'Cidadão do Corvo, Cidadão da Europa', a população da ilha decidiu que o Corvino representado no mural será o mais idoso habitante da vila, José Mendonça Machado, com 96 anos, que já teve um encontro com o Secretário Regional.
“Nós elegemos nesta legislatura as preocupações com a cidadania europeia, trazendo toda a nossa pertença europeia ao debate nos Açores”, frisou Rui Bettencourt, salientando que o encontro com a população, assim como a palestra que decorreu na escola local foram “muito interessantes e positivos”.
Rui Bettencourt proferiu uma palestra na Escola Básica e Secundária Mouzinho da Silveira, subordinada ao ‘Pilares do projeto europeu’, onde se encontrou com jovens de várias idades.
Na sua intervenção abordou diversos aspetos da cidadania europeia, falando da história da União Europeia e do que será o futuro da Europa, deixando a mensagem aos jovens do Corvo que “os Açores têm uma palavra a dizer no palco europeu”.
O Secretário Regional, que estava acompanhado pelo Diretor Regional da Cultura, Nuno Lopes, nesta deslocação à mais pequena ilha do arquipélago, sublinhou a parceria com a Direção Regional da Cultura neste projeto, bem como a colaboração da EBS Mouzinho da Silveira e da Câmara Municipal do Corvo.
GaCS/SN/MN

Sem comentários: