sábado, 25 de fevereiro de 2012

Festas do Senhor Santo Cristo em Ponta Delgada (10 a 17 Maio)

Este ano as festas serão presididas pelo Núncio Apostólico em Portugal
D. Rino Passigato, preside às festas do Senhor Santo Cristo
As Festas do Santo Cristo dos Milagres, que decorrem entre os dias 10 e 17 de maio, em Ponta Delgada, em S.Miguel, Açores, serão presididas pelo Núncio Apostólico em Portugal. D. Rino Passigato, revelou o monsenhor Agostinho Tavares.
"Este ano as festas serão presididas pelo Núncio Apostólico em Portugal D.Rino Passigato que faz a primeira visita à Diocese de Angra", disse à Lusa o reitor do Santuário da Esperança, onde se encontra a imagem do Senhor Santo Cristo, venerada nas festas religiosas que levam anualmente milhares de peregrinos a Ponta Delgada.
Monsenhor Agostinho Tavares sublinhou "a alegria muito grande" em "partilhar a grandiosidade do culto ao Senhor Santo Cristo dos Milagres", na "primeira visita" de D. Rino Passigato "à Diocese de Angra".
Segundo Monsenhor Agostinho Tavares, D. Rino Passigato "estará na ilha Terceira antes de participar na procissão da Mudança da Imagem do Santo Cristo, que decorre no sábado das Festas, e no domingo preside à Concelebração Eucarística no Campo de São Francisco e à tarde na procissão".
Monsenhor D.Rino Passigato, que é o Núncio Apostólico em Portugal desde 2008, vai ainda "visitar as ilhas do Pico e Faial", acrescentou.
As Festas do Senhor Santo Cristo atraem todos os anos a Ponta Delgada milhares de peregrinos, oriundos de todas as ilhas do arquipélago e de vários pontos do país, mas também das comunidades de emigrantes espalhadas pelo mundo.
O ponto alto é a procissão, que se realiza desde 1700 no quinto domingo depois da Páscoa, percorrendo as ruas da cidade com uma imagem do 'Ecce Homo' com mais de 400 anos, oferecida às freiras Clarissas pelo Papa Paulo III.
O programa integra também a Procissão da Mudança da Imagem do Santo Cristo, que sai na tarde de sábado do Coro Baixo do Convento da Esperança para a igreja anexa, cumprindo um trajeto à volta do Campo de S. Francisco.
No seu sítio na internet a Irmandade do Santo Cristo, responsável pela organização religiosa das festividades, refere que "elegeu como mensagem de reflexão para as festividades deste ano a expressão simbólica: "A paixão de Cristo que nos une!"
Segundo sublinha, "pretende a Irmandade, com esta iniciativa, considerar a partilha e a solidariedade que o sofrimento infringido a Jesus representa, nos seus penosos momentos, como valores que devem sustentar, na vivência da fé de cada um, o comportamento, nos dias difíceis que se atravessam, dos devotos e peregrinos do Senhor Santo Cristo dos Milagres".
Lusa

Sem comentários: