quinta-feira, 30 de abril de 2009

Decisão da Organização Mundial de Saúde

O balanço de infectados por todo o Mundo aumentou para um total de 257 pessoas (Justin Lane, EPA)
Gripe suína passa a ser designada como Gripe A
A Organização Mundial de Saúde (OMS) defendeu esta quinta-feira que não vislumbra qualquer razão para elevar ao nível mais alto (6) o alerta relativo ao actual surto de gripe, num dia em que decidiu igualmente deixar de utilizar a designação de gripe suína para referir como Gripe A (Influenza A: H1N1) a doença que actualmente ameaça o planeta com uma pandemia iminente.
De acordo com a OMS, não há evidência que justifique neste momento a alteração do nível de alerta de 5 (estado pré-pandémico) para 6, o último da escala da agência das Nações Unidas e que oficializa a situação de pandemia. A determinação da OMS foi transmitida durante uma declaração do seu número dois, Keiji Fukuda.
Nesta comunicação aos jornalistas, Fukuda avançou com a indicação de que os laboratórios suíços Roche estavam a acelerar a produção do medicamento anti-viral Tamiflu, designação comercial do genérico oseltamivir, droga que se revelou já capaz de fazer face ao H1N1, vírus que está na base do actual surto de gripe.
De acordo com o vice-director-geral, a própria agência já disponibilizou parte do seu stock de Tamiflu aos países que declaradamente mais necessitam deste medicamento.
Fim da gripe suína
Também esta tarde, a OMS decidiu alterar a designação que tem vindo a ser dada ao actual surto de gripe. A doença até agora chamada de "gripe suína" deixa assim de ter esta designação para passar a ser tratada por "gripe A" (vírus H1N1).
O porta-voz da OMS Dick Thompson esclareceu que a agência tomou esta decisão após ter escutado as preocupações do sector agrário e dos criadores de animais, que manifestaram preocupação pela confusão que a anterior designação estava a suscitar junto dos consumidores.
Entretanto, a agência das Nações Unidas para a Saúde actualizou a contagem de casos da agora influenza A para 257, uma subida significativa face aos 148 casos confirmados até ontem.
Alteração vai de encontro ao desejo de criadores portugueses
A alteração do nome da doença vem ao encontro dos apelos que durante os últimos dias têm sido feitos pelos criadores portugueses, nomeadamente dos criadores de porco de raça alentejana, que ansiavam por uma designação que evitasse futuros prejuízos para o sector.
Aos criadores portugueses juntou-se ainda o ministro da Agricultura com o argumento de que esta gripe "não é uma doença do foro animal". Jaime Silva acrescentou, já hoje, que "não existe qualquer problema em consumir carne de porco"."Não se trata de uma gripe suína, a própria Organização Mundial de Saúde caiu no erro de apelidá-la dessa maneira", lamentou Jaime Silva, reforçando que se trata de uma "gripe humana com origem humana, que foi transmitida aos suínos e que depois voltou para o homem".
Numa solução pouco diplomática, alguns produtores chegaram a defender a designação de "gripe mexicana", solução que o Governo do México também veio recusar no início da semana.

Imagem do Dia


Um Brasil-Argentina... diferente .

Hóquei no gelo: Ataque ao homem !


A isto chama-se... entrar(verdadeiramente) de cabeça...
Tudo ao molho... e fé em deus (ou nem por isso...)

Mississauga: 5º Concerto da Primavera


BANDA DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS E ECOS DE PORTUGAL
5º Concerto da Primavera floriu de boa música Portuguesa o Living Arts Centre em Mississauga
No passado domingo (26) a Banda do Sagrado Coração de Jesus e Ecos de Portugal de Toronto, realizaram o seu 5º Concerto Musical que teve lugar numa das bonitas salas de espectáculos do '' The Living Arts Centre'' no centro da cidade de Mississauga.

Esta Banda de música foi fundada em 1974 por um grupo idoneo de músicos entusiastas, residentes, na maioria, da área da paróquia de Santa Cruz em Toronto. Na Primavera de 1975 esta banda de música saíu pela primeira vez ao público pelas festas do Espírito Santo com uma formação de 30 elementos, devidamente equipada com instrumentos e uniformes e liderada pelo seu primeiro mestre, Jaime Vieira. Mais tarde em 1978, a banda do Coração de Jesus transferiu a sua sede para novas instalações da actual paróquia de Santa Helena. Neste momento o número de executantes ronda os 40, por vezes mais de 50 elementos, agora dirigida, desde 1991, pela batuta competente e inovadora do Maestro José Manuel Resendes, autor de vários arranjos musicais registados nas últimas gravações desta filarmónica, a última das quais foi inaugurada no dia 17 de Novembro de 2002, por ocasião do sétimo anual concerto de Natal no St. Johns Hall em Mississauga.

Em 1996 surgiu a criação do grupo coral ''Ecos de Portugal'', obra do Maestro Resendes coadjuvada no obbjectivo de desenvolver e enriquecer a sociedade musical na comunidade portuguesa no Canadá.
A Banda do Sagrado Coração de Jesus, agora integrada e parte de principal da '' The Music Society of St. Helen's'', tem sido ao longo dos últimos anos uma escola de música que incentiva os mais jovens a fazerem parte dos nossos usos e costumes, integrando e participando em muitas festas e paradas na nossa comunidade e não só, como noutras ao longo do ano no Ontário e EUA, graças aos seus responsáveis . Em 1988, esta banda de música foi até aos Açores onde participou nas festas do Senhor Santo Cristo na altura com a direção do Maestro Artur Macedo.

No passado domingo esta filarmónica completou o seu 5º Concerto da Primavera que diga-se em abono da verdade, foi um autêntico sucesso por excelência com um bom programa bem elaborado e apresentado ao longo da tarde, que cativou os bons amantes da música, pena a bonita sala não se encontrar completamente cheia, os responsáveis mereciam mais colaboração da comunidade. Os portugueses não sabem o especáculo que perderam, segundo ouvia-se dizer á saída por aqueles que assistiram com satisfação a mais este concerto musical, liderado pelo Maestro José Manuel Resendes, que teve a especial colaboração dos jovens voluntários do Grupo Folclórico da Associação Migrante de Barcelos e do Grupo Folclórico Transmontano.

A locutora da CIRV-FM, Dona Maria Fernanda, foi a MC que apresentou o espectáculo com o bom humor de sempre ao longo da tarde.
A primeira parte do espectáculo foi liderada pelo concerto da Banda do S.C. Jesus, começando com os Hinos ''O Canada'' e Hino Nacional Português.
Na segunda parte juntaram-se os Grupos folclóricos, grupo coral Ecos de Portugal e os cantores a solo, João Teixeira, Sara da Silva e Rose Mary da Silva. No final foram apresentados ao público os directores responsáveis da Banda.
A jornalista, Maria Fernanda também agradeceu a presença da comunicação social portuguesa em divulgar os nossos eventos.
O PROGRAMA FOI O SEGUINTE:
A primeira composição: ''Comendador Adolfo Roque'' (Almilcar Morais). - ''Ballet Pariien'' (J. Offenbach). - ''Cantar das Regiões'' (Ilídio Costa). - ''Concertino for Baritone & Tuba'' (A. den Arend - Solos: Aurélio Andrade, Sandro Melo). - ''Pop Show # 6'' (Amilcar Morais). - Special Feature: ''The Gridiron Club March'' (J.P. Sousa - Trombones: Amandio Martins, Aurélio Andrade, Danny Avelar, tuba: Sandro Melo). - ''The Stars and Stripes Forever'' (J.P. Sousa - Solo: Rose Mary da Silva). Intervalo.
A segunda parte, Banda S.C.J. & Ecos de Portugal. Entrada com a ''Chamarrita'' - Tradicional dos Açores. - ''Chuva'' (Solo: Rose Mary da Silva). - ''Baleeiros'' (Solo: José Luis Raposo). - 'Trepassos'' - Os amigos do ''Grupo Folclórico Transmontano''. - ''Vira Corrido'' (Voluntários da A.M. Barcelos). - ''Encosta a tua Cabecinha no Ombro e Chora''. - ''Casa da Maiqinhas'' (Solo: Sara da Silva). - ''Vem Comigo, Vem Dançar'' (Música: José M. Resendes, Letra. João Teixeira). - ''Malmequer'' (Solo: Rose Mary da Silva). - ''Regresso'' (João Teixeira). - E a terminar ''Uma Casa Portuguesa'' (Solo: João Teixeira, Sara da Silva e Rose Mary da Silva) com participação dos dois grupos folclóricos.
Texto e fotos de: JOÃO G. SILVA.

terça-feira, 28 de abril de 2009

Egipto: Gripe Suína em alerta


MAIS VALE PREVENIR
No Egipto não há conhecimento, para já, de casos de gripe suína, no entanto o Governo ordenou aos proprietários de explorações pecuárias que desinfectem os animais. A gripe suína, que teve início no México onde já matou perto de 150 pessoas, tem estado a alastrar a vários países.

25 DE ABRIL EM LISBOA


25 DE ABRIL / DIA DA LIBERDADE
Nos 35 anos da Revolução de 25 de Abril de 1974, milhares de pessoas percorreram a Avenida da Liberdade, em Lisboa, sob um Sol hesitante.

SALGUEIRO MAIA
O tenente coronel Amado Rodrigues espreita as entranhas da chaimite "Bula", o veículo militar utilizado por Salgueiro Maia para retirar Marcelo Caetano do Quartel do Carmo a 25 de Abril de 1974. A "Bula" é o prólogo da "Colecção Visitável da Cavalaria Portuguesa", patente no quartel de Abrantes.

João Garcia vence mais um "tecto do Mundo"


João Garcia conquista mais um "tecto do mundo"
Ficam a faltar dois picos - Nanga Parbat e o Annapurna - para cumprir os 14 acima dos oito mil metros.
O alpinista português João Garcia alcançou hoje, terça-feira, o seu 12.º e antepenúltimo "tecto do Mundo", ao atingir ao topo da montanha Manaslu, no Nepal, com 8.163 metros, sem recorrer a oxigénio, anunciou o seu patrocinador em comunicado. João Garcia chegou ao topo da montanha, na região nepalesa de Gurkha, às 11:00 locais (06:15 em Lisboa), depois de ter "demorado nove horas para subir os 1.200 metros que o separavam do cume", após partir do campo 3, situado a 7.000 metros de altitude. Com esta conquista, o alpinista português, de 41 anos, atingiu a 12.ª das 14 montanhas do Mundo com mais de 8.000 metros de altitude, no âmbito do projecto "À conquista dos picos do Mundo". Em Junho, João Garcia vai tentar atingir o cume do Nanga Parbat (8.125), no Paquistão, ficando a faltar apenas o Annapurna (8.091), previsto para a Primavera de 2010, para completar o percurso.
C/Lusa

segunda-feira, 27 de abril de 2009

JUDO: Telma Monteiro é campeã Europeia


Telma Monteiro Campeã da Europa em Judo
A judoca portuguesa bateu na final a britânica Sarah Clark. Telma Monteiro confirmou o favoritismo e venceu o combate por decisão unânime dos juízes.
O combate entre Telma Monteiro e Sarah Clark durou oito minutos. Depois dos cinco minutos regulamentares registava-se o empate e no Ponto de Ouro a judoca portuguesa foi melhor ao ganhar por Yuko.
A número 1 mundial volta a repetir os triunfos de 2007 e 2006 e sagra-se agora campeã da Europa na categoria de -57 kg, com o título conquistado em Tbilissi, na Geórgia

quarta-feira, 22 de abril de 2009

«Dragões» na final da Taça de Portugal


ESTRELA DA AMADORA, 2 - FC PORTO, 1
«Dragões» juntam-se ao Paços na Final do Jamor
O FC Porto juntou-se esta quarta-feira ao Paços de Ferreira na final da Taça de Portugal de futebol, apesar da derrota por 2-1 na segunda mão das meias-finais, sofrida no estádio do Estrela da Amadora.
O avançado argentino Farias, aos quatro minutos, inaugurou o marcador, mas Rui Varela, aos 34, e Anselmo, aos 42 minutos, deram a volta ao resultado, insuficiente para evitar o apuramento do tricampeão nacional, que tinha vencido por 2-0 na primeira mão. O FC Porto, que sofreu a primeira derrota com a equipa "tricolor" esta época, em quatro confrontos, apresentou-se na Reboleira sem muitos dos habituais titulares, mas com o mesmo esquema táctico, no encalço da segunda presença consecutiva no Jamor (perdeu na época passada com o Sporting por 2-0).
Lázaro Oliveira também operou modificações, com Nelson Pedroso e Vítor Vinha a integrarem a equipa inicial, e colocou Ney no lado direito da defesa, por ausência de Hugo Gomes. O FC Porto entrou melhor e muito cedo chegou ao golo, na sequência de um bom passe de Guarin para Lisandro, que ofereceu a Farias o golo inaugural. Com a final da Taça cada vez mais longe, Lázaro Oliveira colocou em campo Rui Varela, aos 29 minutos, e a entrada do avançado devolveu a esperança aos "tricolores". Rui Varela marcou o tento do empate, após uma boa jogada de Silvestre Varela no lado esquerdo, e fez o passe para Anselmo, aos 42 minutos, dar a volta ao resultado e colocar o Estrela a dois golos da final. O FC Porto teve oportunidade de empatar a partida, mas duas grandes defesas de Filipe Mendes, aos 39 minutos, a remate de Tomás Costa, e aos 47, a remate de Farias, impediram os "azuis e brancos" de igualar. Na segunda parte, o ritmo manteve-se bastante elevado, com as duas equipas a terem boas oportunidades de marcar, mas sem revelarem a eficácia demonstrada no período inicial. Aos 76 minutos os anfitriões reclamaram grande penalidade, com Jardel a ser carregado por Fucile na grande área, quando os dois tentavam chegar a uma bola cruzada por Varela, mas o árbitro Carlos Xistra nada assinalou.
Estádio José Gomes (Reboleira)
Árbitro: Carlos Xistra ( Castelo Branco )
E. Amadora- Filipe Mendes; Ney Santos, Tengarrinha, Nuno André Coelho; Pedro Pereira (Vítor Moreno), Fernando Alexandre e Jardel (Celestino); Sivestre Varela, Anselmo e Vitor Vinha (Rui Varela).
Treinador : Lázaro Oliveira
FC Porto- Nuno; Sapunaru (Cissokho), Rolando, Stepanov e Fucile; Andrés Madrid (Fernando), Tomás Costa e Guarín; Hulk (Tarik), Farías e Lisandro.
Treinador: Jesualdo Ferreira
0-1 aos 5 minutos por Farias (FC Porto) 1-1 aos 34 minutos por Rui Varela (Estrela)2-1 aos 42 minutos por Anselmo (Estrela)O FC Porto garantiu a presença na final com um total de 3-2 nas duas mãos.
O avançado do FC Porto, Hulk, lesionou-se com alguma gravidade. Será reavaliado nesta 5.ªfeira, mas com entorse no tornozelo esquerdo pode perder o que resta da temporada
Paços de Ferreira na final da Taça de Portugal
NACIONAL , 2 - PAÇOS DE FERREIRA, 3
O Paços de Ferreira carimbou o passaporte para a final da Taça de Portugal ao vencer esta tarde o Nacional. Os pacenses venceram os madeirenses por 3-2, no encontro da segunda mão das meias-finais da competição.
Após um período inicial em que o Paços de Ferreira esteve em vantagem, o Nacional tentou dar a volta ao resultado.
Os primeiros dois tentos foram apontados aos 15 minutos, por Pedrinha, e aos 20 minutos, por Rui Miguel na conversão de uma grande penalidade.
A equipa da casa ainda conseguiu anular a desvantagem, com Luís Alberto a assinar um golo aos 39 minutos. No segundo minuto da segunda parte Mateus reestabeleceu a igualdade.
Porém, os visitantes viriam a anular o empate. Após o primeiro de quatro minutos de prolongamento, uma falta deu origem a uma grande penalidade que Pedrinha converteu em golo.
Com o resultado final de 2-3, o Nacional-Paços de Ferreira permitiu aos pacenses fazerem história, ao apurarem-se, pela primeira vez, para a final da Taça de Portugal. A primeira mão tinha ficado empata a duas bolas.
Caso o FC Porto vença esta noite a outra meia-final frente ao Estrela da Amadora, o Paços de Ferreira poderá ter acesso à Taça Europa, antiga Taça UEFA.
Estádio da Madeira (Funchal)
Árbitro: Olegário Benquerença ( Leiria )
Nacional- Rafael Bracalli; Patacas, Maicon, Filipe Lopes e Nuno Pinto; Rúben Micael, Luiz Alberto (Fabiano), Cléber e Leandro (Juliano); Mateus e Nené.
Treinador : Manuel Machado
P.Ferreira- Cássio; Ricardo, Danielson, Kelly e Jorginho; Paulo Sousa, Dédé (Pedrinha) e Ferreira (Filipe Anunciação); Rui Miguel, André Pinto (Edson) e Cristiano.
Treinador: Paulo Sérgio
0-1 aos 15 minutos por Pedrinha (Paços Ferreira) grande penalidade0-2 aos 20 minutos por Rui Miguel (Paços Ferreira)1-2 aos 38 minutos por Luiz Alberto (Nacional)2-2 aos 47 minutos por Mateus (Nacional)2-3 aos 90 minutos por Pedrinha (Paços Ferreira) grande penalidade.
O Paços Ferreira garantiu a presença na final da Taça de Portugal com um total de 5-4 nos dois jogos.

terça-feira, 21 de abril de 2009

PCIM. - 1ª. Irmandade do Divino E. Santo - Mississauga


PORTUGUESE CANADIAN INTEGRATION MOVEMENT
Jantar de angariação de fundos para a Igreja da Lomba da Fazenda de Nordeste com a presença do presidente daquele município, Prof. José Carlos Carreiro

A Organização do Portuguese Canadian Integration Movement - 1ª. Irmandade do Divino Espírito Santo de Mississauga, realizou no último sábado á noite (4) de Abril, uma grande festa de Angariação de fundos a reverter ás obras de restauração da Igreja da Lomba da Fazenda de Nordeste na ilha de São Miguel nos Açores.

Este jantar teve lugar no St. John's Hall na cidade de Mississauga e contou com a presença do presidente da Câmara Municipal da Vila de Nordeste, Prof. José Carlos Carreiro e sua esposa Maria da Luz, e de 700 convivas em grande número oriundos daquele conselho da ilha verde, que encheram as instalações daquele salão.
Antes do jantar um grupo de amigos músicos oriundos daquela freguesia do conselho de Nordeste radicados aqui no Ontário, formaram a Lira N.S. da Conceição com uma pequena banda e tocaram o Hino da Imaculada Conceição padroeira da paróquia da Lomba da Fazenda.
Seguiu-se o serviço de jantar confecionado por um grupo de senhoras prata da casa, que foi servido pelos jovens filhos/filhas dos membros da organização do PCIM.
Após o repasto, o MC Manuel Martins & relações públicas, agradeceu a presença do presidente do Município de Nordeste e todas as pessoas presentes, chamando logo de seguida o primeiro artista da noite, Cláudio Ferreira de Hamilton que cantou algumas canções do seu CD com o título ''Açoreana'', e fez que as pessoas enchessem a pista de dança.

Seguiu-se então á chamada em palco do convidado especial, e presidente da Câmara de Nordeste, Prof. José Carlos Carreiro que proferiu algiumas palavras ao povo nordestense. '' É com muita satisfação que sinto aqui um pedaço da Lomba da Fazenda de Nordeste, tantos foram os amigos que hoje encontrei e abraçaram-me nesta festa, onde também sou natural desta freguesia do nosso conselho. Fico contente em saber que muitos de vós estão hoje aqui no Canadá com uma melhor vida e estão realizados, neste grande país de acolhimento. Sei também que não esqueceram a vossa terra natal, e sempre que puderam vão á sua terra matar saudades a S. Miguel e aos Açores pois esperamos a vossa visita de braços abertos na terra onde os vi nascer. Obrigado a todos!''. Deu-se então a trocar de lembranças onde foi entregue ofertas do conselho de Nordeste aos organizadores deste evento, e o presidente do PCIM da 1º Irmandade do E. Santo de Mississauga, Dinarte Teves também entregou uma placa pela presença do Prof. José C. Carreiro enquanto a esposa recebia um ramanhete de flores.

Esteve presente na mesa de honra o Pe. Fernando Pinto da paróquia de S. José de Oakville entre outros convidados.
O presidente da Vila de Nordeste, foi convidado a presidir á inauguração do Centro Cultural dos Açores na cidade de London Ontário no passado domingo.
Os artistas comunitários Victor Martins e Carlos Martins também ofereceram as suas cantigas para o público dançar ao longo da noite, como a música do DJ ''Cikko's'', responsavél pelo som, que animaram a festa.

Houve também as tradicionais arrematações com muitas ofertas oferecidas por oriundos da Lomba da Fazenda de Nordeste a leiloar a favor da restauração das obras da igreja paroquial e a venda de rifas a sortear com valiosos prémios.
O presidente do PCIM, Dinarte Teves agradeceu a todos pelo sucesso desta festa de angarição de fundos para as obras da igreja paroquial da Imaculada Conceição na Lomba da Fazenda de Nordeste.
Texto e Fotos de: João G. Silva.

PCC Mississauga: ''Noite Africana''


CENTRO CULTURAL PORTUGUÊS DE MISSISSAUGA
Noite Africana celebrada com muita animação e amizade no re-encontro de velhos amigos das ex-colónias portuguesas
O Centro Cultural Cultural Português de Mississauga levou a efeito no passado sábado (4) no seu salão de festas uma noite dedicada a África, com o tema '' Noite Africana'', que contou com a presença de 250 convivas, para celebrarem com muita animação, a sua cultura, hábitos e costumes do povo africano.
Segundo o presidente do CCPM, Gilberto Moniz, esta 1ª Noite Africana é para dar continuidade nos próximos anos e, ''No futuro pensamos em dedicar uma noite a outras comunidades de origem portuguesa, ao longo do ano, por exemplo, Macau, Goa, Timor, etc.
Esta primeira noite Africana dedicada aos lusos-africanos e seus descendentes, teve a participação de um grupo apróximadante de 100 pessoas de origem lusa-africana de Moçambique, que viveram e trabalharam naquela ex-colónia portuguesa.
Este grupo de amigos juntam-se uma vez por ano no Piquenique de Verão do CCPM, que já o fazem nos últimos oito anos, quando pela primeira vez se reuniram com muitos amigos e famílias dispersas pela província do Ontário como também vindos de outras localidades do Canadá e Estados Unidos da América.

Em conversa com Jorge Freitas e Élio da Silva, eles nos disseram-nos: ''Tudo isto aconteceu, graças aos contatos via internet, porque muitos de nós deixamos as ex-colónias portugueses após o 25 de Abril, e tivemos que abandonar tudo mais as nossas famílias, por falta de segurança, á procura de um futuro melhor . Muitos de nós ficamos sem saber onde tinham ido os nossos amigos e trinta anos mais tarde viemos a encontrar-nos novamente, aqui no Canadá, muitos moçambicanos da localidade da Beira onde estudamos e trabalhamos juntos. Não só lusos descendentes como também doutras nacionaldades compartilhamos esta nossa amizade uma vez por ano, ao juntarnos no Verão como agora neste jantar! Esperamos que seja para continuar por muitos mais anos.''.
A noite começou com um jantar-buffet da culinária africana, onde o prato tradicional ''Caril'', de origem indiana confecionado e adaptado á culinária moçambicana, que é composto de Galinha ou Camarão c/arroz, preparado com Créme de Côcô, Leite, Pó de Caril e Tamarin. Tradicionalmente este prato da região da Beira é muito apreciado e a galinha temperada a rigor pela cozinheira São com toque da Maria Santo ''Poppy'', foi servido nesta noite africana.
No que diz respeito na parte do entertenimento, o Duo ''Som Luso'', animou o baile, e a música africana também fez avançar para a pista de dança muitos casais que animadamente se divertiram e mataram saudades da sua terra natal.

Nesta mesma noite o Presidente do CCPM, Gilberto Moniz, agradeceu a presença de todos, e chamou três sócios para prestar homenagem de aniversário do mês da Março aos seguintes membros do clube: Isabel Silva Couto, Delfim Aguiar e Durval de Melo.
Gilberto Moniz apresentou mais uma novidade e adiantou: ''Esta é mais uma iniciativa do nosso Centro Cultural. De hoje em diante vamos homanegear todos os meses os nossos sócios aniversariantes desta nossa casa''.
Também foram chamados os três responsáveis dos Amigos de Moçambique que foram: Maria Santo (Poppy), Élio da Silva e Jorge Freitas, que dedicaram algumas palavras de agradecimento ao presidente Gilberto Moniz pela junção de amizade que dispensaram aos amigos de Moçambique em compartilhar o seu clube nesta noite de confaternização e amizade do povo africano como também chamaram o grupo para tirarem uma foto de praxe.
Ainda antes de terminar as apresentações e homenagens, recordamos que o presidente do CCPM, Gilberto Moniz também celebrou no dia 4 de Abril o seu aniversário, onde cantaram todos os parabéns. Por nossa parte endereçamos os parabéns.
O Duo ''Som Luso'' fechou o serão na noite dedicada ao povo africano, com mais música para dançar.
Texto e fotos de: João G. Silva.

Manila: ''Miss Filipinas Terra''


Ecologia
"Belezas por uma causa" é o mote do concurso "Miss Filipinas Terra". Em Manila, as candidatas desfilaram com plantas e mensagens em defesa da saúde do planeta.

segunda-feira, 20 de abril de 2009

Brampton: Irmandade do Senhor Santo Cristo


COMISSÃO DE FESTAS DO SENHOR SANTO CRISTO DE BRAMPTON
Jantar de Angariação de fundos foi um sucesso com sala esgotada e actuação da Jéssica Amaro e José Nazário vindo dos EUA
A comissão organizadora do Senhor Santo Cristo dos Milagres na cidade de Brampton, levou a efeito no último sábado, o jantar anual de angariação de fundos a reverter a favor das festas que se realizará no próximo mês de Setembro, uma semana depois do fim-se-semana longo ''Dia do trabalhador''.
O salão de festas da igreja de N.S. Fátima em Brampton tornou-se pequeno para acolher a grande afluência de pessoas que se deslocaram para participar na festa, pois a sala estava completamente superlotada, houvesse mais lugar para mesas o que não foi possivél.
Por esta razão com a chegada de alguns mais atrasados á procutra de lugar, o jantar só veio a ser servido ás oito horas da noite.
Antes do jantar foi tocado o hino do S.S.Cristo e o pároco Andrzej Chilmon teceu elogios á comunidade paroquial e a devoção dos fiés á Imagem do Senhor Santo Cristo e revelou ao povo um milagre feito a um casal que esperava um filho a que os médicos diziam quie nasceria doente. Ao pedir ao Santo Cristo um milagre duas senhoras, mãe e sogra do novo casal, receberam a graça concebida por Deus. Segundo o padre Chilmon, os milagres ainda acontecem e devem ser revelados, por isso eu estou a anunciar ao povo presente. De seguida rezou-se um Pai Nosso e a benção do alimento, que os membros da comissão começaram logo a servir. Caldo verde e o fiel bacalhau fizeram parte da ementa da noite bem á portuguesa.
Após o jantar o MC - Gilberto Medeiros chamou ao palco a primeira artista da noite, a conhecida jovem de Hamilton, Jessica Amaro que interpertou quatro canções do seu vasto repertório enquanto as pessoas saíram das suas mesas para a pista de dançar em desgaste do repasto. O DJ ''Electro Sound'' de Steve da Silva deu contunuidade ao serão dançante.
Mais tarde foi a vez das arrematações feitas pelo Gilberto ao leiloar as várias ofertas em lucro para as despesas das próximas festas.
Depois foi a vez do presidente da Irmandade do Senhor Santo Cristo, Guido Pacheco subir ao bem decorado palco para agradecer a presença de todos e disse: '' Estou satisfeito em vêr este salão cheio de devotos do S.S. Cristo é a prova que o nosso povo de Brampton está feliz pelo trabalho que estamos a prestar á nossa comunidade. Temos também a agradecer ás nossas cozinheiras pelo excelente servio de voluntariado, sem elas isto não seria possivél. Estão todos convidados para o próximo mês de Setembro a assistir ás nossas festas. Tenho a anunciar que temos já confirmado a presença do conjunto ''Star Light'', entre outros artistas para entertenimento. Mais tarde daremos mais premenores sobre a nossa festa. Obrigado!''.
Enquanto que na cozinha as senhoras de serviço, faziam as apreciadas malassadas e bolos Levedos á moda de São Miguel para venda e acompanhar um cafézinho.

Jessica Amaro (Canadá) e José Nazário (EUA)
O convidado especial da noite foi o artista, José Nazário vindo directamente dos Estados Unidos da América da cidade de Swansea, Mass, que realizou um excelente espectáculo e apresentou lindas canções do seu novo CD ''Pensando'', que chamou á pista de dança os amantes da música portuguesa, que dançaram animadamente e participaram também com o cantor em algumas composições repetindo em coro a letra de algumas canções. José Nazário dedicou também uma canção ao falecido amigo da terra natal, Jack Sebastião que como toda a gente conhece foi um grande artista e amigo como ele referiu. No final da actuação o povo pediu mais uma canção que foi a primeira que ele interpertou, ''Festa Portuguesa''. Nazário nasceu em São Miguel natural da Vila de Rabo de Peixe e é senhor de uma grande voz, e já tem no seu palmarés oito CD's editados o último em Outubro de 2008. Gostamos do espectáculo que ele realizou em Brampton. Este artista luso-americano voltará ao Canadá no próximo mês, para uma festa a realizar no Oassis Convention em Mississauga, e no mês de Junho irá até á ilha de São Miguel para realizar cinco espectáculos naquela ilha açoriana, segundo suas palavras em conversa com ''O Milhafre''.
Também falamos com o presidente, Guido Pacheco, que nos informou em primeira mão para o nosso jornal. '' Esta nossa Irmandade do Senhor Santo Cristo de Brampton, conta com 19 membros, e foi convidada pelo reitor do Santuário da Esperança em Ponta Delgada, Monsenhor Agostinho Tavares, em colaboração com a Irmandade do S.S. Cristo de São Miguel, a participaram nas festas principais naquela ilha do Arcanjo''. Monsenhor Tavares participou nos últimos dois anos na nossa festa em Brampton como o pregador principal ficou sensibilizado com os devotos do S.S. Cristo na diáspora. E continuou. ''É a primeira vez, que uma irmandade imigrante recebeu tal convite, e foi com prazer que aceitamos o pedido e vamos estar presentes nas festas no próximo mês de Maio.
Vamos levar 16 membros da nossa irmandade a S. Miguel, e vamos atrás da imagem do Senhor Santo Cristo vestidos a rigor com as nossas hopas a representar a nossa comunidade portuguesa do Canadá. Para nós isto vai ser mais uma experiência que vai tocar os nossos corações de emocão e alegria''.
Só nos resta desejar-vos uma boa viagem a todos, e que o S.S. Cristo vos acompanhe até aos Açores. Boa viagem!
Texto e Fotos de: João G. Silva.

domingo, 19 de abril de 2009

Liga de Honra: Santa Clara isola-se no 1º lugar

SANTA CLARA, 1 - VARZIM, 0
Santa Clara volta ao comando da Liga Vitalis
Um golo madrugador de Nuno Santos chegou para o Santa Clara bater em casa o Varzim e isolar-se no comando da Liga de Honra de futebol, beneficiando do empate da Olhanense na visita ao Beira-Mar, na 25 jornada.
Nuno Santos marcou o golo da vitória do Santa Clara, logo aos dois minutos, depois de um passe de Rincon. Enquanto os açorianos ganharam por 1-0, os algarvios deixaram dois pontos em Aveiro, desperdiçando o triunfo na recta final do jogo, depois de terem estado no comando do marcador desde os 44 minutos, graças a um auto-golo de Cadu. A seis minutos do final, Cristiano apontou o golo que assegurou o empate ao Beira-Mar e "agitou" o ordenamento do topo da classificação, passando o Santa Clara a liderar isolado, com mais dois pontos do que a Olhanense.
Estádio de São Miguel em Ponta Delgada.
Árbitro: André Gralha (Santarém).
Equipas:
Santa Clara: Alemão, Hernâni Tomás, João Dias, André Pinto, Nuno Sociedade, Pacheco, Neto (Ruy Netto, 69), Oliveira (Rui Ferreira, 58), Nuno Santos, Hernâni Borges (Vouho, 72) e Rincon. (Suplentes: João Botelho, Ruy Netto, Stopira, Valter, Rui Ferreira, Vouho e Rui Gomes).
Varzim: Marafona, Caetano, Nuno Gomes, Pedro Santos, Telmo, Tito (Malafaia, 60), Emanuel, Nelsinho (Mendonça, 46), André André, Marco Claúdio e Bruno Moreira (Miran, 68). (Suplentes: Matos, Neto, Miran, Marco Matias, Ruben Fernandes, Malafaia e Mendonça).
Marcador: 1-0, Nuno Santos, 02 minutos.
Acção disciplinar: Cartão amarelo para André André (98).
Assistência: Cerca de 1.500 espectadores.
Santa Clara isola-se no 1º lugar da classificação
Na 25ª jornada, o Olhanense empatou com o Beira Mar e "entregou" a liderança à equipa açoreana que venceu o Varzim.
Resultados da 25ª jornada:
Beira Mar, 1 - Olhanense, 1
Freamunde, 1 - Desp. Aves, 2
Portimonense, 1 - Estoril, 2
Santa Clara, 1 - Varzim, 0
Gondomar, 2 - Vizela, 0
U. Leiria, 2 - Boavista, 0
Feirense, 0 - Oliveirense, 1
Gil Vicente, 1 - Sp. Covilhã, 1
Classificação:SANTA CLARA, 48 pontos 2º Olhanense, 46 3º U. Leiria, 42 4º Feirense, 37 5º Estoril, 37 6º Desp. Aves, 34 7º Gil Vicente, 33 8º Sp. Covilhã, 33 9º Varzim, 32 10º Beira-Mar, 32 11º Freamunde, 31 12º Vizela, 28 13º Portimonense, 28 14º Oliveirense, 27 15º Gondomar, 25 16º Boavista, 25.

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Liga dos Campeões: FC Porto eliminado no Dragão


FC PORTO, 0 - MAN. UNITED, 1
Golo de Ronaldo acaba com o sonho
Um espectacular tiro de 20/30 metros de CR7 foi o suficiente para pôr os pupilos de Sir Alex Ferguson nas meias-finais da Liga dos Campeões.
Cristiano Ronaldo, com um golão, aos seis minutos, acabou com o sonho tripeiro na Liga dos Campeões.Num jogo de oportunidades divididas, o Manchester garantiu a presença nas meias-finais, em que vai defrontar os "gunners", que se impuseram ao Villareal, por 3-0.Os "red devils" recebem o Arsenal, em Old Trafford, em 28 de Abril, para o jogo da primeira mão.
FC Porto - Helton; Sapunaru (Tomás Costa, 80 m), Rolando, Bruno Alves e Cissokho; Lucho (Mariano, 31 m), Fernando e Raul Meireles; Hulk, Lisandro e Rodriguez (Farias, 63 m)
Suplentes: Nuno, Stepanov, Guarín, Mariano, Farias, Tomás Costa e Andrès Madrid.
Man. United - Van der Sar; O'Shea, Ferdinand, Vidic e Evra; Giggs, Carrick, Anderson (Scholes, 78 m) e Cristiano Ronaldo; Rooney e Berbatov (Nani, 68 m).
Suplentes: Ben Foster, Gary Neville, Evans, Scholes, Nani, Tevez e Macheda.
Disciplina: cartão amarelo a Vidic (42 m) e Evra (57 m).
IMAGENS DA NOITE
O segredo... que não resultou...

sexta-feira, 10 de abril de 2009

Páscoa: Papa deixa palavra de esperança

Papa deixa palavra de esperança às vítimas do sismo
Bento XVI dirigiu uma palavra de esperança para todas as pessoas atingidas pelo sismo em Itália, no final da cerimónia da Via Sacra que decorreu no Coliseu de Roma.
O Papa proferiu esta mensagem no dia em que tiveram lugar os funerais de 205 vítimas do tremor de terra que sacudiu a região de Abruzzo na passada segunda-feira.“Rezamos para que até a eles, nesta noite escura, apareça a estrela da esperança, a luz de Nosso Senhor ressuscitado”, disse o Santo Padre.O sentido do sofrimento humano foi esta noite sublinhado por Bento XVI na Via Sacra a que presidiu, no Coliseu de Roma.Nas 14 estações
meditadas pelo Monsenhor Thomas Meniparampil, Bispo de Guwahati, o Papa lembrou o fascínio pelo Mistério da Cruz de Cristo de tantos santos e mártires, muitos deles no anonimato.“É por nosso amor que Cristo morre na cruz. No decurso dos milénios, falanges de homens e mulheres deixaram-se fascinar por este mistério e seguiram a Jesus, fazendo da própria vida por sua vez, como Ele e graças ao Seu auxílio, um dom para os irmãos. São os santos e mártires, muitos dos quais nos são desconhecidos. Mesmo neste nosso tempo, quantas pessoas no silêncio da sua vida diária unem os seus sofrimentos aos do Crucificado, tornando-se apóstolos de uma autêntica renovação espiritual e social. O que seria do homem sem Cristo?”, afirmou Bento XVI.

Brampton: Romeiros da Paróquia de N.S.Fátima


Tradição da romaria quaresmal micaelense continua a marcar presença no Canadá
Na ilha de São Miguel nos Açores todos os anos pela Quaresma os romeiros precorrem as estradas daquela ilha verde por uma semana em caminhada de penitência e oração passando e prenoitando em várias vilas e freguesias, visitando cemitérios e igrejas numa tradição de séculos desde as promessas que os seus antepassados fizeram derivado aos tremores de terra que se faziam sentir nas ilhas açorianas.
Esta tradição secular açoriana chegou ao Canadá através dos nossos imigrantes que ao longo de vários anos a esta parte, na Sexta-Feira Santa fazem a sua caminhada de reflexão e de fé em Jesus Cristo. Seja em dia de temporal com vento, chuva, neve ou frio os romeiros caminham em peregrinação de suas promesas e pedidos ao Senhor com cânticos a Nossa Senhora, e visitam com passagem obrigatórias, rezando às portas dos cemitérios pelos irmãos defundos e igrejas, num acto de penitência e oração.

Hoje, neste mesmo dia, os portugueses de origem açoriana realizam esta caminhada da Quaresma na sua peregrinação em várias cidades canadianas tais como: Toronto, Mississauga, Brampton, Cambridge e London todas elas no Ontário.
Nos Estados Unidos da América em várias cidades onde existem descendentes de açorianos também esta tradição de peregrinação e de fé se mantém bem viva no coração dos micaelenses com a realização destas romarias, muitos deles já o faziam na sua terra natal.
Os romeiros da paróquia de N.S. Fátima de Brampton também não fogem á regra, e desde de 1993 que realizam a sua romaria em caminhada, primeiro começaram de Missisauga até Brampton, mas devido à segurança nas estradas por lei, nos últimos anos a caminhada é feita sómente pelas longas ruas da cidade de Brampton.


Foi na última Sexta-Feira Santa que os Romeiros da paróquia de N.S. Fátima em Brampton, saíram à rua pelas 6H00 da manhã pelo décimo sexto ano consecutivo, em caminhada de peregrinação, penitência e oração visitando um cemitério e as igrejas as de St. Jerome, Santa Ana, Santa Maria e regressando ao ponto de partida a igreja portuguesa de Nossa Senhora de Fátima.
Com a chegada da romaria pelas três da tarde, realizaram-se as cerimónias religiosas com o tempto completamente cheio. Perante as orações á entrada da igreja, os romeiros entraram na casa de Deus, cantaram e desceram ao salão paroquial para assistirem às cerimónias quaresmais que se prolongaram até ás 17H30.

Este ano a romaria da Paróquia de N.S. Fátima da cidade de Brampton contou com 211 romeiros entre muitas mulheres, jovens, crianças e menos jovens, que precorreram ao longo apróximadamentede de sete horas e meia as longas estradas da cidade das flores.
O mestre José Luis, é o irmão principal que se desloca desde os últimos 16 anos de Cambridge, prepara e lidera esta grande romaria de fé e penitência, juntamente com os guias José Vieira e João Barbosa. Como contra mestre foi o Horácio Carreiro e o procurador das almas coube a Miguel Lima.

Mais tarde pelas 19H30 o grupo de jovens da paróquia realizaram o ''Passion Play'', dentro da igreja com actos da paixão e crucificação de Cristo numa representação teatral ao vivo com figuras humanas vestidas a rigor.
No próximo sábado (18) haverá uma missa de acção de graças para todos os romeiros que fizeram parte desta romaria de 2009, na Igreja de N.S. Fátima.
A todos bem hajam pela sua fé e oração em prol de todos os nossos Irmãos da comunidade portuguesa e pela paz no mundo.
Texto e Fotos de: João G. Silva. (Brampton, Ont.)

França: Célebre procissão de "La Sanch"


PARECEM MAS NÃO SÃO
Não. Não é uma manifestação do Klu Klux Klan. São penitentes que participam na célebre procissão de "La Sanch" pelas ruas Perpinhão, em França, realizada todas as Sextas-Feira Santas em honra da Paixão de Cristo.

Páscoa: "Rosto doloroso" de Cristo espelha sofrimento


Páscoa: "Rosto doloroso" de Cristo espelha drama do sofrimento mas também luz da esperança diz D. José Policarpo
O Cardeal Patriarca de Lisboa afirmou hoje que no “rosto doloroso de Cristo” está espelhado “o drama da maldade dos homens para com os seus semelhantes”, mas também brilha “a luz da esperança, o sentido redentor” do sofrimento.
“Como não contemplar naquele rosto, todos os rostos humanos marcados pela dor, ultrajados pela injustiça, desfigurados pela miséria, vilipendiados pelo ultraje à sua dignidade?”, interrogou D. José Policarpo na homilia da Paixão de Sexta-Feira Santa, único dia do calendário católico em que não se celebra a Eucaristia.
O Cardeal Patriarca, que nas suas homilias do Tríduo Pascal tem reflectido sobre o “rosto eclesial” de Jesus, apresentando o “rosto eucarístico” na celebração da Última Ceia, na Quinta-Feira Santa, debruça-se hoje sobre o “rosto doloroso” de Jesus, que aponta o sentido do sofrimento humano.
“Ao contemplar o rosto doloroso do Senhor, somos envolvidos por um mistério: como é possível viver ao mesmo tempo o horror do sofrimento e a alegria da intimidade amorosa com Deus, que se exprime, não apesar da dor, mas na própria dor”, referiu, acrescentando que “em Cristo o cristão pode experimentar essa harmonia da alegria e da dor”.
“É no realismo desse olhar que esse rosto é, hoje, para cada um de nós, palavra amorosa de Deus, suscitando a esperança da conversão”, sublinhou.
Lusa / AO online

Sexta - Feira Santa dia de Reflexão!

Páscoa
Sexta-Feira Santa, dia de silêncio, jejum e oração para cristãos. O silêncio, o jejum e a oração são os traços marcantes de hoje, Sexta-feira Santa, dia em que os cristãos celebram a Paixão e Morte de Jesus.
Único dia no calendário católico em que não se celebra a eucaristia, é só também na igreja de Roma que se encontra a prática da reconstituição dos últimos passos de Cristo através da Via Sacra, na tarde de hoje. Nas igrejas evangélicas a Sexta-Feira é dia de reflexão sobre o sacrifício de Jesus, mas sem tristeza, por estar ligado à Ressurreição, sendo das celebrações mais participadas. Para a Igreja Católica, é dia de luto e de choro, que se inicia com a celebração da Paixão e adoração da cruz, após o que se realiza a Via Sacra ou Caminho da Cruz. Segundo a lenda, Maria, mãe de Jesus, terá percorrido, nos primeiros anos do cristianismo, por várias vezes, o caminho que Cristo fez entre a casa do prefeito romano Pôncio Pilatos até ao Calvário, devoção que terá sido adoptada pelos peregrinos que visitavam Jerusalém. Esta devoção foi posteriormente espalhada por todo o mundo, tendo o papa Bento XIV, no século XVIII, dado forma final à Via Sacra, estabelecendo as 14 estações em que se encontra actualmente dividida. À Via Sacra segue-se a Procissão do Enterro do Senhor, tradição que se revive em todo o país, na qual o esquife com o corpo de Jesus percorre as ruas das localidades, acompanhado por orações. Paróquia de Santa Catarina mantém tradiçãoEm Lisboa actualmente apenas a paróquia de Santa Catarina mantém esta tradição, cumprida no interior da Igreja. O último ritual de Sexta-Feira Santa é a "procissão para ir buscar a hóstia", recolhendo-se as partículas consagradas guardadas na véspera para se proceder à comunhão dos fiéis. Ao longo da Quaresma, mas muito especialmente em Sexta-feira Santa, realiza-se pelo país fora a Procissão do Senhor dos Passos, recriando a paixão e morte de Cristo, muitas vezes associada à procissão do Encontro, que recorda o momento em que Maria, mãe de Jesus, se encontrou com Cristo no Calvário. A Sexta-feira Santa é o segundo dos dois dias do ano em que a Igreja Católica torna obrigatório o jejum (o outro é Quarta-feira de Cinzas). De acordo com as normas, o jejum, na sua forma tradicional, significa que se deve limitar a alimentação a uma refeição, permitindo-se, contudo, a ingestão de alimentos ligeiros às horas das outras refeições. Hoje em dia considera-se que os fiéis cumprem o jejum privando-se de "uma quantidade ou qualidade de alimentos ou bebidas que constituam verdadeira privação ou penitência". Às sextas-feiras ao longo do ano, mas muito especialmente durante a Quaresma, a Igreja Católica recomenda a abstinência, ou seja, a escolha de uma "alimentação simples e pobre", que pode ser substituída pela privação de outros alimentos e bebidas, nomeadamente os da preferência de cada um. O Tríduo Pascal, iniciado em Quinta-Feira Santa, tem sábado o seu apogeu com a Vigília Pascal, terminando com as vésperas do Domingo de Páscoa. O tempo pascal continua até à celebração do Pentecostes, 50 dias depois da Páscoa.

quinta-feira, 9 de abril de 2009

Ritual da Paixão de Jesus Cristo nas Filipinas


UM CRISTO DO SÉCULO XXI
Num ritual que se repete ano após ano, um filipino é alvo de flagelação, no caso da foto, de cortes infligidos por lâmina nas suas costas, para recriar a Paixão de Jesus Cristo. Alguns serão mesmo crucificados e pregados na cruz. Tudo pela fé.

quarta-feira, 8 de abril de 2009

Futebol nos Açores - Campeonatos Regionais


CAMPEONATO DE SÃO MIGUEL (1ª. FASE) 2008-09:
Santiago FC, campeão de S. Miguel
O Santiago recebeu e venceu o Sporting Ideal por 5-0 num encontro que terminou em fogo de artifício.
Foi na tarde de domingo que no Campo de Jogos José Mestre Leste, que o Santiago recebeu o Sporting Ideal para um encontro que aos pauenses bastava o empate para se sagrarem campeões… e a festa já estava pronta.
A equipa verde-branca de Água de Pau com esta vitória destacada no campeonato micaelense carimbou o passaporte de regresso ao Nacional da III Divisão - Série Açores na próxima época.
A segunda fase do campeonato nada irá decidir, pois está encontrado o vencedor da prova rainha de São Miguel da época 2008-09.
Santiago, Sporting Ideal, Vitória Clube do Pico da Pedra e Mira Mar vão disputar o grupo dos primeiro quatro classificados, com o campeão Santiago a cumprir calendário enquanto os outros três clubes procuram a melhor classificação possivél.
Os últimos quatro clubes da tabela classificativa, Maia C. Açores, Águia Clube Desportivo, União Desportiva de Nordeste e Santo António Nordestinho, vão disputar a Taça Primavera.
Resultados da 14ª. jornada:
Mira-Mar, 3 - União Nordeste, 0
Nordestinho, 0 - Vitória CPP, 5
Sporting Ideal, 3 - Águia Desp., 1
Maia Açores, 0 - Santiago FC, 3
CLASSIFICAÇÃO FINAL:
L ..EQUIPAS ......J...V..E.D.GM-SP
1º Santiago FC ....14 13 1 0 53-3 40
2º Sporting Ideal ..14 7 3 4 19-15 24
3º Vitória CPP .....14 6 4 4 19-13 22
4º Mira Mar SC ....14 7 0 7 25-24 21
5º Maia Açores ....14 5 3 6 19-16 18
6º Águia Desp. ....14 5 3 6 16-29 18
7º U. Nordeste ....14 3 5 6 14-22 14
8º Nordestinho ....14 0 1 13 4-46 1
________________________________________
CAMPEONATO DA TERCEIRA - 2008/2009:

SC Barreiro campeão da Terceira

Ao superar o Belém por 4-0, o Barreiro confirmou a conquista do ceptro de campeão da ilha Terceira. Em São Mateus, o Marítimos ultrapassou (2-0) o Boavista da Ribeirinha. O Grupo Desportivo das Fontinhas e ''Os Leões'' de Porto Judeu empataram a uma bola na derradeira jornada.
Resultados da 21ª jornada:
Marítimos, 2 – Boavista Rib., 0
GD Fontinhas, 1 – “Os Leões”, 1
SC Barreiro, 4 – CD Belém, 0
Folgou o Juventude Lajense.
CLASSIFICAÇÃO FINAL:
L ..EQUIPAS ........J. V E D.. GM-S P
1º SC Barreiro .....18 11 4 3 38-19 37
2º Os Marítimos ...18 10 6 2 28-12 36
3º Juv. Lajense ....18 8 8 2 23-13 31
4º Boavista Rib. ...18 7 5 6 27-20 26
5º GD Fontinhas....18 4 6 8 25-30 18
6º CD Belém .......18 4 4 10 10-32 16
7º ''Os Leões'' ......18 1 4 13 10-37 7
_________________________________________
CAMPEONATO DA GRACIOSA - 2008/2009:

Graciosa Futebol Club foi campeão!
Resultado da 17ª. jornada:
GD Luzense, 2 - Graciosa FC, 3
Folgou: Sporting de Guadalupe.
Resultado da 18ª. jornada:
Graciosa FC, 1 - Sp. Guadalupe, 2
Folgou: GD Luzense.
CLASSIFICAÇÃO FINAL:
L ...EQUIPAS ........J V E D.. GM-S P
1º Graciosa FC ......12 6 4 2 14-10 22
2º Sp. Guadalupe... 12 5 3 4 16-12 18
3º GD Luzense ......12 2 3 7 12-19 9
__________________________________________
CAMPEONATO DE SÃO JORGE -2008/2009:
Marítimo Velense foi o campeão
Resultado da 19ª. jornada:
Maritimo Vel, 1 - Urzelinense, 0
Jogo da 20ª jornada:
FC Calheta, 0 - Maritimo Velense, 1
CLASSIFICAÇÃO FINAL:
L ..EQUIPAS ......J V E D.. GM-S P
1º Marítimo Vel. ..14 8 4 2 19-13 28
2º Urzelinense ....14 7 5 2 28-14 26
3º CD Velense .....14 5 5 4 20-10 20
4º FC Calheta .....14 3 4 7 18-19 13
5º Desp. Beira ....08 0 0 8 03-32 0
* CD Beira desistiu da prova.
___________________________________________
CAMPEONATO DO FAIAL/PICO - 2008/2009:
FC Flamengos virtual campeão
Resultados da 20ª jornada:
CD Lajense, 1 - GD Feteira, 2
Prainha FC, 0 - Fayal Sport, 2
Folga: FC Flamengos.
CLASSIFICAÇÃO FINAL:
L ...EQUIPA .....J V E D.. GM-S P
1º Flamengos ...16 11 3 2 34-11 36
2º Fayal Sport ..16 10 3 3 34-12 33
3º Prainha FC ...16 9 2 5 25-13 29
4º GD Feteira ...16 4 2 11 1 -35 14
5º CD Lajense ...16 1 0 15 12-46 3