quinta-feira, 12 de março de 2009

Taça UEFA: PSG, 0 - Sp. Braga, 0


Paris Saint-Germain, 0 - Sporting de Braga, 0
Braga arranca empate precioso em Paris
O Sporting de Braga arrancou hoje um precioso empate 0-0 no terreno do Paris Saint-Germain, na primeira mão dos oitavos-de-final da Taça UEFA de futebol, e manteve esperanças de poder alcançar a próxima ronda da prova.
No Parque dos Príncipes, a formação de Jorge Jesus efectuou uma primeira parte de bom nível, mas acabou por apanhar alguns sustos durante a segunda metade, com Eduardo e o poste direito do guarda-redes português a impedirem que os franceses ganhassem vantagem na eliminatória. Com este empate, o Sporting de Braga adiou a decisão para daqui a uma semana no Minho, num encontro que está obrigado a vencer, para poder seguir, pela primeira vez na sua história, para os "quartos" da Taça UEFA. Um empate com golos deixa de fora a equipa "arsenalista". Sem o camaronês Meyong, lesionado, Jorge Jesus apostou apenas no colombiano Renteria na frente, apoiado pelo regressado Jorginho e por Alan, e colocou Luís Aguiar mais recuado, junto a Vandinho e César Peixoto, no meio-campo. Numa primeira parte com poucas ocasiões de golo, o Sporting de Braga "pegou" cedo no encontro, enquanto a equipa parisiense apostava em lances de contra-ataque, com lançamentos longos para Sessegnon e Luyindula. Apesar de ter mais posse de bola, os minhotos mostraram algumas dificuldades em ultrapassar a defesa francesa, e o melhor que conseguiram foi um lance protagonizado por Renteria, que, isolado frente a Edel, acabou por adiantar demasiado a bola, aos 26 minutos. Até ao intervalo, o Paris Saint-Germain, com Pauleta a assistir ao encontro nas bancadas, acabou por conseguir equilibrar a luta a meio-campo, mas nunca chegou a incomodar o guardião Eduardo. No regresso dos balneários, os parisienses apareceram mais rápidos, tomaram o controlo da partida e estiveram perto de marcar, através de uma cabeceamento de Chatome, que o guarda-redes do Sporting de Braga respondeu com grande defesa. A formação minhota sentiu a pressão dos franceses, desceu no terreno e começou a cometer alguns erros, principalmente a meio-campo, e o Paris Saint-Germain esteve novamente perto de marcar, desta vez com Rothen a acertar no poste. A entrada de Stelvio Cruz, para o lugar de César Peixoto, acalmou a equipa de Jorge Jesus, que retomou algum domínio no encontro, enquanto o Paris Saint-Germain perdeu algum fulgor no ataque, apesar de ter em campo Kezman e Giuly. Apesar de demonstrar algum cansaço, os jogadores do Sporting de Braga não permitiram que os franceses se aproximassem mais da baliza de Eduardo e conseguiram aguentar o nulo até final da partida.
Taça UEFA - 1.ª mão dos oitavos-de-final:
Parque dos Príncipes (Paris)
Árbitro: Matteo Trefoloni (Itália)
Paris SG - Edel; Ceará, Traore, Camara e Armand; Sessegnon, Clément, Makelele e Chantôme; Rothen e Luyindula.
Treinador: Paul le GuenSp.
Braga - Eduardo- João Pereira, Rodríguez, Leone e Evaldo; Alan, Vandinho, Luís Aguiar e César Peixoto; Jorginho e Rentería.
Treinador: Jorge Jesus

Sem comentários: