domingo, 28 de setembro de 2008

Faleceu o famoso actor Paul Newman


Morreu o actor (Paul Newman) que quase venceu Le Mans
O actor Paul Newman, que morreu sexta-feira aos 83 anos, vítima de cancro, era um grande adepto do automobilismo e chegou mesmo a terminar em segundo lugar as 24 horas de Le Mans, prova rainha de resistência.
Em 1979, o actor, na altura já com 54 anos, levou um Porsche 935 da equipa Dick Barbour ao segundo lugar da mítica prova francesa, na sua única participação em Le Mans.As proezas de Paul Newman no mundo das corridas de automóveis não ficaram por ai, com o actor a tornar-se, aos 70 anos, o piloto mais velho a fazer parte da equipa vencedora das 24 horas de Daytona, em 1995.Entre as décadas de 70 e 90, Newman fundou várias equipas de automobilismo, incluindo uma participação nas corridas de NASCAR, a mais americana das provas de desporto automóvel.Paul Newman morreu sexta-feira, vítima de cancro, aos 83 anos, disse hoje fonte próxima do actor norte-americano.Newman foi nomeado dez vezes para os Óscares da Academia de Hollywood, tendo ganho três estatuetas, uma das quais em 1987, pelo filme "A Cor do Dinheiro", e as outras duas a título honorário.
Lusa/AO online

sábado, 27 de setembro de 2008

LIGA SAGRES: Benfica, 2 - Sporting, 0


Lisboa, 27 Setembro - O Sporting deixou o Estádio da Luz com uma derrota mas não se pode dizer que falta falta de empenho dos seus jogadores, como o demonstra o capitão Moutinho. Aliás, tal como o benfiquista Yebda...
BENFICA BATE SPORTING (2-0) NO DÉRBI LISBOETA
Águias mais fortes encurtam diferença
Um excelente golo de José Antonio Reyes, aos 67', encarregou-se de desfazer o nulo e lançar o Benfica para a vitória no dérbi lisboeta. Pouco depois, Sidnei (72') confirmou a superioridade dos encarnados, que ficam agora a apenas 1 ponto dos leões, que têm mais um duro teste na próxima ronda, frente ao FC Porto.

Generosidade de Reyes


Lisboa, 27 Setembro - O espanhol José Antonio Reyes foi a figura do dérbi ao apontar o golo inaugural do Benfica e, após ser substituído, ofereceu a sua camisola ao filho de Rui Costa, presente junto ao banco dos encarnados.

Beleza na Luz das ''cheerleaders''


Lisboa, 27 Setembro - Num dérbi bem movimentado desde o início e com festa rija dos encarnados do final, não faltou a animação das "cheerleaders" do clube da Luz...

Miúdos das escolinhas do S.L.B. com estilo


Lisboa, 27 Setembro - Antes do dérbi entre o Benfica e Sporting, os miúdos das escolinhas do clube da Luz mostraram as suas habilidades no relvado. E estilo não lhes falta...

Unidos contra o cancro


Nova Iorque, 24 Setembro - O ex-presidente dos EUA, Bill Clinton, e lance Armstrong estão unidos na luta contra o cancro. "22 mil pessoas morrem por dia em todo o mundo devido a esta doença", declarou o ciclista no dia em que revelou o calendário para 2009.

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Faleceu o escritor Picoense Dias de Melo


Escritor Dias de Melo morreu aos 83 anos
O escritor Dias de Melo, com cerca de 50 anos de vida literária, morreu hoje, aos 83 anos, no hospital de Ponta Delgada, confirmou à agência Lusa a sua filha.
Edna Dias de Melo adiantou que o pai faleceu cerca das 11:30 locais (12:30 de Lisboa), no Hospital de Ponta Delgada, depois de ter sido internado há cerca de uma semana. "O estado de saúde dele (Dias de Melo) estava a deteriorar-se cada vez mais", disse a Edna Dias de Melo, sem avançar qual o motivo da morte. José Dias de Melo nasceu na Calheta do Nesquim, ilha do Pico, a 08 de Abril de 1925, e, além da carreira de professor primário, foi colaborador assíduo da imprensa regional e nacional e um profundo conhecedor da temática baleeira e da emigração. No anos 50 do século passado, inicia o seu percurso literário, com um livro de poesia intitulado "Toadas do Mar e da Terra", a que se seguiram outros, com destaque para o seu best-seller "Pedras Negras", que foi publicado, pela primeira vez, em 1964. Em reconhecimento do contributo do escritor para o panorama literário português, o Presidente da República, Mário Soares, condecorou-o com a Ordem do Infante, e também foi homenageado pelas Lajes do Pico com o título de Cidadão Honorário do concelho. Recentemente, o presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César, presidiu a uma sessão pública de homenagem a Dias de Melo, que incluiu o lançamento de uma nova edição da triologia das obras do autor - "Pedras Negras", "Mar Rubro" e Mar Pla Proa".
Lusa / AO Online

domingo, 21 de setembro de 2008

Brampton - Festa dos Amigos do Conselho da Ribeira Grande do Ontário


5º. convívio dos Amigos do conselho da Ribeira Grande em onda de amizade e beneficência
A festa do 5º. Convívio anual dos Amigos do conselho da Ribeira Grande do Ontário teve como principal objectivo reunir mais uma vez todas as pessoas daquele conselho do norte da ilha de São Miguel para confaternizaram e estreitar os laços de amizade da terra mãe em terras do Canadá, como também serviu para uma angariação de fundos para os deficientes portugueses de Ontário.
No passado sábado á noite, o salão da igreja de Nossa Senhora de Fátima em Brampton foi o centro de convívio e amizade dos Amigos do conselho da Ribeira Grande na festa do jantar daquela organização que á cinco anos atrás os fundadores, Luís Pacheco e José Correia e suas esposas deram início para reunir deste então, uma vez por ano, a união faternal dos filhos daquele conselho ribeiragrandense.
Esta festa teve como convidado especial que veio até Brampton de Vancouver o catedrático Ribeiragrandense, Doutor José Carlos Teixeira, professor da ''University of British Columbia, Canadá'', que foi o orador ao apresentar ''O Emigrante Ribeiragrandense na Diáspora Açoriana'', tema publicado na revista da Câmara Municipal da Ribeira Grande em 2007, aquando da comemoração dos 500 anos de História de elevação da Ribeira Grande a Vila, hoje cidade nortenha da ilha de São Miguel.

Citamos um dos parágrafos do tema escolhido:''A imigração tem sido, ao longo da História, uma constante do povo açoriano e ribeiragrandense. Contam-se por milhares o número de açorianos que deixaram as ilhas nos últimos 250 anos. Brasil, Bermudas e Canadá têm sido os seus destinos preferidos. Hoje somos mais de 1,5 milhões de açorianos e descendentes a viverem no estrangeiro. Destes, uma boa persentagem é oriunda de um dos conselhos mais importantes dos Açores - o conselho da Ribeira Grande.
Os ribeiragrandenses, tal como a grande maioria dos açorianos da diáspora, são gente que um dia , mais por necessidade do que por razões políticas ou religiosas, deixaram o torrão natal à procura de melhor nível de vida''. Idem, fim de citação!...
O Prof. Carlos Teixeira também disse segundo estudo que hoje de 200 a 250 mil ribeiragrandenses e seus descentes, encontram-se espanhados a viver no América, Canadá e Bermudas, ocupando muitos deles posições de realce nestes países.
Também incentivou os responsáveis desta festa a falarem e convidarem a ''Mayer'' da cidade Susan Fennel e Ricardo Silva presidente da câmara da Ribeira Grande, porque gostava de vêr a geminação entre estas duas cidades no futuro próximo, Brampton-Ribeira Grande como cidades irmãs, isto depois de Laval, Providence e Fall River (EUA), devido ás centenas de ribeiragrandenses e descentes que residem em grande número nesta cidade a norte de Toronto.
Foram algumas centenas que marcaram presença neste jantar, que foi confecionado pela firma ''Catita's Catering'', que os ribeiragrandenses tiveram mais uma vez a oportunidade de se abraçaram e matar saudades da sua terra natal, em conversa amena e falar dos bons velhos tempos de infância. Segundo palavras de José Correia, ''temos a oportunidade nestes encontros de reunir pessoas que vêm de muito longe, caso foi o encontro de um amigo de longa data que veio de London, e que já não nos viamos á mais de 40 anos''.
Após o jantar, Luís Pacheco agradeceu a presença de todos os amigos, convidados e a comunicação social, e convidou José Mário Coelho para apresentar o espectáculo reservado como mestre de cerimónia.

Primeiramente, foi chamado os artistas ''Irmãos Vargas'', Herman e Valter, que cantaram várias melodias de música antiga do Elvis e Tom Jones, e até deu para contar algumas anedotas humoradas, e se vestirem de Bin Laden e Heisin, foi o risso total de boa disposição. Logo de seguida, a jovem Ashley Sousa de Cambridge surpreendeu com a sua bela voz cristalina entrepertando várias músicas portuguesas. Profírio Ribeiro também subiu ao palco para cantar e chamou as pessoas a dançarem ao som de sua música. Para terminar o elenco dos artistas convidados da noite, José Mário informou que Henrik Cipriano, não se sentia bem de saúde e estava com má disposição, e pediu á plateia para esperarem mais um pouco. Então, a música do DJ ''All Stars'' entrou em acção para dançarem. Um pouco mais tarde, Henrik Cipriano deu entrada em palco debaixo de aplausos, e cantou algumas canções apesar de não se encontrar nas melhores condições, mas como grande profissional que é, deu o seu melhor e até contou algumas anedotas pelo meio, pedindo desculpa pela curta actuação devido a doença súbita. Para ele desejamos rápidas melhoras.
O prof. José Carlos Teixeira foi agraciado com uma oferta pelo vice-presidente, José Correia, e um disco de Ashley Sousa. Teixeira, agradeceu e incentivou a jovem Ashley Sousa a dar continuidade aos estudos e continuar a cantar pois tem voz para ir mais longe na carreira artistica.

Estava também em exposição, grandes trabalhos de artesanato local no salão, feitos por vários artistas ribeiragrandenses.
Ainda houve tempo para sortear os prémios da rifa vendida durante a noite e leiloar algumas ofertas, com os lucros a reverter a favor dos deficientes portugueses como foi prometido.
Foi uma festa linda. Os organizadores estavam satisfeitos com os participantes e só não tiveram mais afluência de pessoal, devido ao dia da família que foi levado a efeito pela Liuna 183 no Ontário Place, acrescentou o presidente desta festa dos Amigos da Ribeira Grande.
Texto e fotos de: João G. Silva.

Contador consagrado vencedor da Vuelta


Madrid, 21 Setembro - O espanhol Alberto Contador foi consagrado hoje como o vencedor da Vuelta. Na imagem celebra um triunfo histórico, ladeado por Levi Leipheimer e Carlos Castre.
PRIMEIRO ESPANHOL A VENCER TOUR, GIRO E VUELTA
Alberto Contador coroado em Madrid
Alberto Contador Velasco confirmou esta tarde a vitória na Volta a Espanha, sendo o primeiro espanhol a conquistar as três maiores provas do calendário internacional - Tour, Giro e Vuelta.Nascido há 25 anos em Pinto, nos arredores da capital castelhana, o ciclista da Astana iniciou-se na modalidade aos 15 anos quando o seu irmão Fran, praticante amador, lhe ofereceu uma bicicleta.Convicto das suas capacidades, Contador abandonou os seus estudos universitários para se juntar, como amador, à equipa Iberdrola, tendo na altura a alcunha de "Pantani", na sequência da vitória do italiano no Tour'98.Conquistou a sua primeira vitória numa etapa como profissional em 2003, no contra-relógio da Volta a Polónia, com a sua carreira a sofrer um revés em 2004 quando lhe foi detectado um tumor vascular no cérebro, precisando de cerca de seis meses para recuperar.Doença vencida, voltou a montar a bicicleta em Janeiro de 2005, estreando-se na Volta a França, e arrancando uma bela posição final: 31.º.Há dois anos, a Astana foi banida do Grand Boucle na sequência da mediática "Operacion Puerto". Contador, no entanto, nunca foi condenado, regressando em 2007 para conquistar a prova, seguindo-se já este ano a Volta a Itália..Contador é o quinto de sempre e o primeiro espanhol a vencer as três maiores corridas do Mundo. Os outros quatro: os franceses Jacques Anquetil e Bernard Hinault, o belga Eddy Merckx e o italiano Felice Gimondi. O espanhol é já uma lenda.
Geral individual final:
1. Alberto Contador Velasco (Espanha)Astana, 80:40'23''
2. Levi Leipheimer (EUA) Astana, a 1'01''
3. Carlos Sastre Candil (Espanha) Team CSC, a 4'31''
4. Ezequiel Mosquera Miguez (Espanha) Xacobeo Galicia, a 5'04''
5. Alejandro Valverde Belmonte (Espanha) Caisse d'Epargne, a 5'.45''
6. Joaquín Oliver Rodríguez (Espanha) Caisse d'Epargne, a 6'50''
7. Robert Gesink (Holanda) Rabobank, a 6'55''
8. David Moncoutie (França) Cofidis, a 10'10''
9. Egoi Martinez De Esteban (Espanha) Euskaltel-Euskadi, a 10'57''
10. Marzio Bruseghin (Itália) Lampre, a 11'56''
(...)
26. Sérgio Paulinho (Portugal) Astana, a 41'43''

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Taça UEFA: Benfica perde em Nápoles


Nápoles, 18 Setembro - O hondurenho Suazo estreou-se com a camisola do Benfica e marcou o tento da inaugural no arranque da campanha europeia. Pena foi depois a reviravolta no marcador...
Taça UEFA: Benfica perde por 3-2 frente ao Nápoles
O Benfica perdeu por 3-2 na visita ao Nápoles, conservando esperança para inverter a desvantagem na segunda mão da primeira eliminatória da Taça UEFA de futebol, dentro de duas semanas, em estreia agridoce do hondurenho Suazo.
O avançado estreou-se de águia ao peito com o golo inaugural da partida, aos 16 minutos, mas lesionou-se no decorrer do encontro, invertido pelos ''azzurri'' em um minuto, com tentos de Vitale e do argentino Denis, aos 18 e 19 minutos. Maggio, aos 54, aumentou a vantagem dos da casa, com a colaboração do defesa brasileiro Léo, mas Luisão, também com sorte, reduziu para o 3-2 final, aos 59. A visita ao Estádio San Paolo saldou-se pela nona derrota ''encarnada'' em deslocações a Itália, a contar para as provas continentais, num total de 13 viagens, contando ainda com quatro triunfos, perante uma equipa que estava afastada destas competições há 14 anos, tendo mesmo passado pelo terceiro escalão transalpino, apesar da conquista da Taça UEFA em 1989, ainda com o ''astro'' argentino Maradona a brilhar nos relvados.
Taça UEFA: Sporting de Braga goleou o Artmedia (4-0)
Um “hat-trick” de Meyong e um golo de Evaldo colocaram hoje o Sporting de Braga em excelente posição para aceder à fase de grupos da Taça UEFA em futebol, com o triunfo robusto sobre o Artmedia por 4-0.
Em Braga, no jogo da primeira “mão” da primeira eliminatória, o camaronês brilhou ao mais alto nível e praticamente colocou o clube local, melhor equipa portuguesa nesta ronda europeia, na fase de grupos da competição, pela terceira vez consecutiva. Mais que o resultado, desenhado pelos golos de Evaldo (três minutos) e Meyong (18, 31, este de grande penalidade, e 76), o Sporting de Braga demonstrou que não é por acaso que vai na quinta presença seguida nesta competição europeia e revelou tamanha superioridade sobre os eslovacos, que apenas uma catástrofe afastará Jorge Jesus e os seus jogadores da próxima fase da UEFA.
RESULTADOS DAS EQUIPAS PORTUGUESAS:
Três derrotas (Benfica, V. Guimarães e Marítimo), um empate (V. Setúbal), e apenas uma goleada, conseguida pelo Sp. Braga, a atenuar uma noite negativa para as equipas portugueses nesta 1ª. eliminatória da taça UEFA.
Nápoles (Ita), 3 - Benfica (POR), 2
(Vitale, 18; Denis, 20; Maggio, 56) (Suazo, 16; Luisão, 59)
Sp. Braga (POR), 4 - Artmedia (Eslq), 0
(Evaldo, 3; Meyong, 18, 30 g.p. e 76)
Marítimo (POR), 0 - Valência (Esp), 1
(Morientes, 12)
V. Setúbal (POR), 1 - Heerenveen (Hol), 1
(Carrijo, 67) (Elyonoussi, 90)

Taça UEFA: Vimaranenses caem na estreia


Portsmouth, 18 Setembro - O V. Guimarães não teve a melhor estreia na edição 2008/09 da Taça UEFA, caindo às mãos dos ingleses por 0-2. O primeiro golo foi apontado por Diarra.
Taça UEFA: Guimarães perde por 2-0 em Portsmouth
O Vitória de Guimarães ficou hoje com a qualificação para a fase de grupos da Taça UEFA em futebol um pouco mais comprometida, ao perder por 2-0 no estádio dos ingleses do Portsmouth, em jogo da primeira mão da eliminatória inaugural.
O Portsmouth, detentor da Taça de Inglaterra, estreou-se da melhor forma nas provas europeias graças aos golos do médio francês Lassana Diarra, aos 39 minutos, e do avançado inglês Jermain Defoe, aos 60.

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Liga Campeões: FC Porto, 3 - Fenerbahçe, 1


Liga dos Campeões:
FC Porto ganha a Fenerbahçe por 3-1 e já lidera grupo G
O FC Porto bateu hoje em casa os turcos do Fenerbahçe por 3-1 e lidera o grupo G da Liga dos Campeões de futebol, já que no outro jogo da primeira jornada, na Ucrânia, Dinamo de Kiev e Arsenal empataram 1-1.
No estádio do Dragão o Porto chegou cedo à vantagem, com o golo de Lisandro Lopez aos 11 minutos, ampliando-se o resultado quase de seguida, por Lucho Gonzalez, aos 13. O Fenerbahçe reduziu aos 29 minutos, por Daniel Guiza, tendo o FC Porto fechado o marcador já para lá do tempo normal, através de Lino, aos 92 minutos. Em Kiev, o Dinamo marcou por Bangoura aos 64 minutos, de grande penalidade, e o Arsenal só empatou aos 88, por Gallas.

Liga dos Campeões: Barcelona, 3 - Sporting, 1


Barcelona, 16 Setembro - Os jogadores sportinguistas bem tentaram travar Lionel Messi [na imagem, o argentino surge entre Tonel e Polga] mas o clube leonino acabou por sair derrotado de Camp Nou por 3-1.

Guinness World Records releases the 2009 edition


Shortest man, leggiest woman meet
Guinness World Records Launches 2009 Edition
By Nancy Zuckerbrod, THE ASSOCIATED PRESS

LONDON - Trafalgar Square routinely serves as a stage for mimes, jugglers and other acts, but the tourist attraction drew an exceptionally curious crowd Tuesday when the shortest man who can walk met the woman with the longest legs.
He Pingping, of China, stands precisely two feet 5.37 inches tall. The 20-year-old was born with a type of dwarfism.
He called Svetlana Pankratova's legs "very beautiful."
The two met, with He standing at Pankratova's knees, to publicize the release of "Guinness World Records 2009." This year's version of the popular book is due out Wednesday.
Pankratova, who is Russian but lives in Spain, has legs that are nearly 52 inches or 132 centimetres long. Her upper body has nearly typical proportions, giving her a giraffe-like appearance.
Dressed in a bright-blue mini-dress and low-heeled pumps, Pankratova, 36, said she liked her legs, though they can complicate things. "It's hard to find clothes, especially pants," she said.
She isn't the tallest woman on record. Sandy Allen, of Shelbyville, Ind., who died recently, held that title, according to the book. And He is the smallest man who is mobile, the books says.
The latest edition of the book lists pop star Britney Spears as the most-searched person on the Internet and the television show "Lost" as the most-downloaded show of all time.
The book has been around for half a century. About 3.5 million copies are sold each year, according to editor-in-chief Craig Glenday.
He Pingping from Inner Mongolia, China's autonomous region, the worl's smallest man sits underneath Svetlana Pankratova from Russia, the Queen of Longest Legs, as they pose at Trafalgar Square in London, Tuesday, Sept. 16, 2008. THE ASSOCIATED PRESS/Sang Tan.
Guinness World Records:
THE GLOBAL BEST-SELLER RETURNS WITH REMARKABLE NEW RECORDS, ALL EXCLUSIVE PHOTOGRAPHY AND A 3D PERSPECTIVE!
On 17th September 2008, Guinness World Records releases the 2009 edition of the internationally-revered-bestseller in the first-ever worldwide launch.
54 years and counting, the globally acclaimed book surpassed Jamie Oliver and Russell Brand during nine consecutive weeks at # 1 on the UK best-seller list in 2007. This year, Guinness World Records 2009 hits the scene even bigger and better than its predecessor with thousands of new and updated records, unique photography and - for the first time ever - 3D special features. In an eclectic mix of content, the upcoming edition remains loyal to old favourites Tallest Living Man, epic journeys such as Fastest Round the World Cycle and record-breaking athleticism The Men’s 100 m,while introducing eye-catching new features such as life-size gatefolds of the new Shortest Man, 3D dinosaurs and pictures, and record sections devoted solely to Harry Potter and celebrities in the “Hollywood Hall of Fame”.
Among pages of brand new achievements, Guinness World Records presents updates on many of its classic records. The 2009 edition reveals Edna Parker (US) as the Oldest Living Person (114 years and 115 days); 105-year old Edith Gulliford (UK) as the Oldest Bridesmaid; and for canine lovers, the Longest Dog, Irish Wolfhound Mon Ami von der Oelmühle, with an impressive nose-to-tail-tip length of 232 cm (91.3 in).
- 17 September 2008.

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Festa de Santa Cecília em Brampton


Banda Lira Portuguesa de Brampton presta homenagem á padroeira Santa Cecília
A Filarmónica Lira Portuguesa de Brampton celebrou no passado domingo, dia 14, no salão paroquial da Igreja de Nossa Senhora de Fátima, a sua festa em honra de ''Santa Cecília'', padroeira dos músicos .
Esta Banda de música foi fundada oficialmente a 17 de Outubro de 1976 na cidade de Brampton com o nome de Lira de Fátima, como muitos ainda hoje a (des)conhecem. Uns anos mais tarde o nome foi mudado para Lira Portuguesa de Brampton e mantêm seu verídico nome até aos nossos dias. O primeiro presidente foi José Carvalho e o maestro é conhecido veterano, António Moreira que ao longos dos anos dirige esta filarmónica, vindo de São Miguel onde foi tocador e maesttro da banda '' Triunfo'' da Ribeira Grande.

A Lira Portuguesa tem corrido algumas cidades no norte da América e participado em muitas festas , tanto no Canadá como nos Estados Unidos onde já representaram os portugueses do Canadá por várias ocasiões nas Grandes Festas do Divino Espírito Santo da Nova Inglaterra em Fall River, como também já participaram em várias festas nos Açores, uma delas a maior que se realiza na ilha de São Miguel, as grandiosas festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres em Ponta Delgada.
Hoje, a Lira de Brampton conta apróximadamente com 60 músicos, e têm como presidente, Fernando Ferreira que conta no total com nove elementos na direcção.

Esta banda tenta manter as nossas tradições portugueses, onde são a fonte de ligação das festas religiosas, pois sem elas as nossas tradicionais festas portuguesas não teriam o mesmo sentido. As procissões e arraias são o placo de atração da filarmónica que anima os festejos ao som dos seus acordes. O mais difícil é manter as nossas filarmónicas em actividade, e a Lira de Brampton não foge á regra, pois é precisso novos músicos para manter a banda em actividade e o melhor que os membros responsáveis da Lira Portuguesa têm feito, é a passagem de testemunho para os novos músicos que passam de familiares para familiares, só assim as nossas ricas tradições conseguem sobreviver.
No último domingo, houve missa solene para todos os membros da Lira Portuguesa e seus familiares em homenagem a Santa Cecília, celebrada na igreja de N.S. Fátima pelo padre Manuel Quintal.


Depois do acto religioso, houve uma procissão em redor do parque da igreja, com a presença do andor de Santa Cecília enfeitado com linda flores, levada por alguns músicos mais novos, acompanhada pelos restantes membros e directores, anjos, como também pelos ranchos folclóricos ''As Tricanas'' e os ''Camponeses'' de Toronto. A filarmónica convidada foi a Banda do Divino Espírito Santo de London.

Durante a tarde realizou-se o almoço de confaternização no salão, e no que diz respeito á parte profana houve variedades, com actuações dos dois ranchos convidados e concerto com arraial pela banda de London. Houve ainda arrematações e baile pelo D.J. ''All Star''.
Texto e fotos de: João G. Silva.

domingo, 14 de setembro de 2008

Festas do Senhor Santo Cristo em Brampton


FESTAS DO SENHOR SANTO CRISTO DOS MILAGRES EM BRAMPTON
Milhares de fiés marcaram presença para prestar homenagem ao «Hecce Homo»
A comunidade portuguesa da cidade de Brampton esteve em festa no passado fim-de-semana dias, 5, 6, 7 e 8 com a realização das grandes festas em honra do Senhor Santo Cristo dos Milagres que se realizou na Igreja de Nossa Senhora de Fátima pelo segundo ano consecutivo.
Esta festa teve início pela primeira vez o ano passado, graças ao esforço e dedicação do presidente das festas, Guido Pacheco e a sua irmandade que conseguiram o sucesso desejado, e que o nosso jornal informou em primeira mão com uma entrevista daquilo que iria acontecer ao longo dos festejos das já conhecidas festas em honra do ''Hecco Homo'', as maiores realizadas na terra mãe, na ilha de São Miguel nos Açores, desde o século passado e que se estendeu nas nossas comunidades imigradas nos Estados Unidos e Canadá há mais de quarenta anos espanhadas pela diáspora. Mais uma vez a festa teve como convidado de honra a presença do reitor do convento da Esperança em Ponta Delgada, Monsehor Agostinho Tavares que veio até nós pela segunda vez consecutiva presidir como pregador ás cerimónias do Senhor Santo Cristo dos Milagres na nóvel cidade de Brampton onde residem mais de trinta mil portugueses de origem açoriana.

O programa deste ano das festas teve início na sexta -feira dia 5, com a missa do ''Dia do Doente'', celebrado pelo Monsenhor Agostinho Tavares com cura e benção especial para todos os doentes, que foram muitos que compareceram em cadeiras de rodas do lar da terceira idade, graças ás obras que foram feitas para faciliar a entrada a deficientes agora com uma rampa de acesso ao interior do templo. O espaço de dentro da igreja tornou-se pequeno demais para receber a multidão que encheu por completo a casa de Deus com bastante gente a ficar no exterior da igreja para assistir á cerimónia religiosa. Realçamos também que aconteceu nesta mesma noite a inauguração e benção de uma Nova Capa e Coroa da imagem do Senhor Santo Cristo. Depois já no lado de fora foi a abertura da iluminação e houve arraial, serviço de bar e petiscos e música para dançar a cargo do D.J. ''Diverse Sound''.

No Sábado dia 6, realizou-se pelas 5h00, a saída da procissão da '' Mudança da Imagem'' que precorreu o parque em redor da igreja, acompanhada por centenas de promessas e pelas filarmónicas do Senhor Santo Cristo de Tornto e Lira Portuguesa de Brampton.

No recolher da imagem foi celebrada a Santa Missa que encheu novamente a igreja até á porta. No decorrer da noite houve muita diversão, com araial pela Banda do S.S. Cristo de Toronto, actuação do Grupo Folclórico do Centro Cultural Português de Mississauga e a participação de vários artistas da comunidade.


O mestre de cerimónias foi o artista, Victor Martins que também cantou e apresentou nesta noite, o Tony Rebelo, Nancy Couto e a participação especial do artista João Pimentel residente em Winnipeg, que veio directamente dos Açores onde esteve em São Miguel nas Festas do Senhor da Pedra em Vila Franca do Campo, sua terra natal. Apesar da noite se apresentar bastante fria, o povo não arredou pé, para ouvirem o cantor João Pimentel que convidou as pessoas a dançarem quase até à meia-noite.
No domingo dia 7, o dia apresentou-se bastante nublado com muito frio chuva e temeu-se o pior. A missa solene teve início á 1h00 da tarde, que encheu uma vez mais a igreja, com a presença do Bispo John Boissonneau e vários padres que pressidiram á eucaristia religiosa.
Mas o melhor estava para acontecer, com a chuva a marcar presença no exterior, aquando da saída da procissão pelas três da tarde, quando a imagem do Senhor saíu para o adro da igreja, o ''milagre'' aconteceu, a chuva parou de caír e o tempo abriu com o sol a marcar presença e o céu abriu e tornou-se azul. Segundo a metreologia dava chuva para todo o dia de domingo, mas ficou provado mais uma vez que o homem não tem poder sobre a mãe natureza, e que o criador desta terra que cada vez está mais contaminada pelos homens e mulheres, é que manda, apesar de milhões por este mundo fora ainda não acreditarem no poder do alto, que é Deus, uno e trino. A majestosa procissão precoreu algumas ruas da cidade de Brampton, ao som das filarmónicas do Divino Espírito Santo de London, Santo Cristo de Toronto e Lira de Brampton como também os guardas dos Cavaleiros de Colombo, vários grupos da paróquia, irmandades, romeiros, anjos, Ranchos Folclóricos, representante do governo local e autoridades, tal como John Sanderman, representante da camará municipal desta cidade.


O Bispo de John Boissonneau também seguiu no cortejo, Monsenhor Eduardo Resendes e Agostinho Tavares e outros padres de várias paróquias de Ontário. Diga-se em abono da verdade, que estava linda e bem organizada, com a imagem do Senhor Santo Cristo dos Milagres, renovada e bem decorada a preceito, chocou mais uma vez, o povo português em especial os oriundos de São Miguel que seguiram na procissão em pagamento de suas promessas mais de um milhar> de devotos do ''Hecce Homo''.


No final da procissão, no parque da igreja, houve então os respectivos agradecimentos por parte dos responsáveis da Paróquia a todos os convidados pela sua presença, como também Guido Pacheco agradeceu a todos os ajudantes e á irmandade do S.S. Cristo pelo sucesso de mais esta festa em honra e louvor do Senhor Santo Cristo. No decorrer da tarde a multidão encheu o recinto em redor da igreja onde aconteceu muita diversão, actuação do Grupo Folclórico da Casa da Madeira de Toronto, arraial pela Banda Lira de Brampton, e a actuação dos artistas, Victor Martins, Tony Câmara, Lucy e Bella Melo e João Pimentel que voltou ao palco para animar com o seu espectáculo o fecho da noite.

Ontem segunda-feira, dia 8, pela 6h00 da tarde, houve o cortejo de oferendas, seguindo-se a celebração da missa de acção de graças. Após a missa houve arrematações das ofertas a favor da festa, com a participação da Lira de Brampton e actuação do grupo ''Os Alegres'', segundo o programa anunciado. O presidente da irmandade do Senhor Santo Cristo dos Milagres de Brampton, Guido Pacheco, agradeceu pelo sucesso destes festejos, ao povo português que compareceu em grande> número, e que tornou possivél esta festa, como também aos> párocos Andrezej Chilmon e Manuel Quintal pelo trabalho que desempenharam ao longo da preparação de mais esta festa em Honra do Senhor Santo Cristo. Bem Hajam!
Texto e fotos de: João G. Silva.