terça-feira, 29 de julho de 2008

ATLETISMO - Meeting do Mónaco

Naide Gomes alcança melhor marca do ano
A atleta portuguesa Naide Gomes obteve hoje a melhor marca do ano no salto em comprimento, com 7 metros e 12 centímetros, durante o Meeting do Mónaco. A campeã mundial de pista coberta, com 28 anos, melhorou em oito centímetros a marca precedente, que pertencia à russa Lyudmila Kolchanova, obtendo também o recorde nacional.
Fonte: O Jogo

domingo, 27 de julho de 2008

Tour de France - Carlos Sastre venceu o Tour

Volta a França:
Carlos Sastre é o virtual vencedor
Etampes, 27 de Julho - Carlos Sastre e Bjarne Riis festejam a vitória na edição da Volta à França, depois de ter visto ganha a aposta feita na chegada ao Alpe D'Huez. O champanhe não podia faltar...
O ciclista espanhol Carlos Sastre é o virtual vencedor da Volta a França depois de ter conseguido manter a vantagem no decisivo contra-relógio de 53 quilómetros entre Cirilly e Saint-Armand-Montrond. O corredor da CSC geriu de forma espectacular a vantagem que tinha à partida, perdendo apenas 29 segundos para Cadel Evans. O alemão Stefan Schmacher venceu a etapa com o tempo de 1:03:50 destacando-se à frente de Fabian Cancellara e Kim Kirchen.
Uma etapa fantástica para o ciclista espanhol que muitos tinham condenado a perder a camisola amarela para os favoritos no contra-relógio. A verdade é que, além da excelente prestação do líder, Cadel Evans desiludiu, talvez desgastado pelas difíceis etapas nos Alpes.
Destaque ainda para a prestação de Bernand Kohl que, além de um terceiro lugar na etapa, conquistou a camisola de montanha. Frank Schleck perdeu o segundo lugar ao não ir além de um sexto lugar, mas o grande derrotado do dia é mesmo Cadel Evans. O australiano partiu confiante, mas cedo se percebeu que não ia ter pernas para ganhar o tempo necessário a Sastre.
Ao fim de dezoito quilómetros, o velocista tinha conquistado apenas oito segundos ao espanhol. A segunda contagem revelou apenas uma vantagem de 23 segundos, muito aquém da vantagem inicial de 1 minuto e 34 segundos de Sastre. Na recta da meta a diferença mediu-se apenas em 29 segundos.
Uma diferença curta, mas que é suficiente para o espanhol partir para a etapa da consagração que leva os cilistas até Paris.
Classificação da 20ª etapa (dez primeiros) 1. Stefan Schumacher (GST), 01:03:50 2. Fabian Cancellara (CSC), a 00:00:21 3. Kim Kirchen (COL), a 00:01:01 4. Christian Vandevelde (GAR), a 00:01:05 5. David Millar (GAR), a 00:01:37 6. Denis Menchov (RAB), a 00:01:55 7. Cadel Evans (SIL), a 00:02:05 8. Sebastian Lang (GST), a 00:02:19 9. Bernhard Kohl (GST), a 00:02:21 10. George Hincapie (COL), a 00:02:28
Classificação geral (dez primeiros) 1. Carlos Sastre (CSC), 84:01:00 2. Cadel Evans (SIL), a 00:01:05 3. Bernhard Kohl (GST), a 00:01:20 4. Denis Menchov (RAB), a 00:02:00 5. Christian Vandevelde (GAR), a 00:03:12 6. Frank Schleck (CSC), a 00:04:28 7. Samuel Sanchez (EUS), a 00:06:32 8. Kim Kirchen (COL), a 00:07:02 9. Alejandro Valverde (GCE), a 00:07:26 10. Tadej Valjavec (ALM), a 00:09:12
Classificação Montanha 1. Bernhard Kohl (GST), 125 p. 2. Carlos Sastre (CSC), 80 p. 3. Frank Schleck (CSC), 80 p. 4. Thomas Voeckler (BTL), 65 p. 5. Stefan Schumacher (GST), 61 p. 6. John-Lee Augustyn (BAR), 61 p. 7. Sebastian Lang (GST), 60 p. 8. Alejandro Valverde (GCE), 58 p. 9. Rémy Di Gregorio (FDJ), 52 p. 10. Egoi Martinez (EUS), 51 p.

Santa Clara em estágio em Quiaios


NAVAL 1º MAIO, 0 - SANTA CLARA, 1
Santa Clara bate Naval 1º de Maio em jogo particular
O Santa Clara, da Liga de Honra de futebol, venceu hoje a Naval 1º de Maio, da Liga principal, por 1-0, em encontro particular disputado no Centro de Estágios Rosa Náutica, em Quiaios.
Um golo de Rincon, em cima dos 45 minutos, ditou a vitória do conjunto dirigido por Vítor Pereira, que desta forma repetiu a vitória que tinha alcançado a meio da semana (quarta-feira) sobre a Académica (2-0).Com este tento, Rincon vem demonstrando uma boa veia goleadora, depois de ter apontado os dois golos à formação dos "estudantes".Nota negativa para as lesões dos navalistas Dudu, Lopes e Tiago Freitas, que deverão ser reavaliados domingo.
Entretanto, ao final deste sábado e naquele que foi o último jogo do Santa Clara no estágio, os encarnados de Ponta Delgada venceram o Pampilhosa (II Divisão) por 2-1.A equipa da Naval inicia na próxima segunda-feira a segunda parte do seu estágio, que decorrerá entre 28 de Julho e 09 de Agosto na Quinta do Pinheiro.
Lusa/AO online

sábado, 26 de julho de 2008

Hóquei em Patins: Espanha é o campeão!


Europeu de Hóquei em Patins:
ESPANHA, 1 - PORTUGAL, 0
Espanha é campeã da Europa, Portugal foi infeliz
A Espanha conquistou hoje o Europeu de hóquei em patins, o seu quinto título consecutivo, ao derrotar na final Portugal por 1-0, em competição que decorreu no Palácio dos Desportos de Oviedo, em Espanha.
Portugal falhou este sábado a conquista do título europeu de hóquei em patins, ao ser derrotado na final, em Oviedo, pela Espanha, por 1-0.
Os espanhóis marcaram o único golo do encontro a menos de cinco minutos do intervalo por intermédio de Gual, aproveitando uma recarga.
A Selecção Nacional tentou igualar, mas esteve algo infeliz. Reinaldo Ventura permitiu duas defesas a Sergio Fernández numa grande penalidade e Luís Viana viu um golo seu ser anulado por ter levantado a bola em excesso.
Este é o 13º título europeu da Espanha. Portugal, com 20 títulos, continua a ser o país com mais vitórias na prova.
As equipas alinharam:
Espanha: Sergi Fernandez, Sergi Panadero, Josep Ordeie, Marc Gual e Pedro Gil, cinco inicial. Restantes jogadores - Marc Torra, Josep Roca, Jordi Bargallo, Lluis Teixido e Guillem Trabal.
Portugal: João Miguel, Valter Neves, Ricardo Pereira, Reinaldo Ventura e Ricardo Barreiros. Restantes jogadores - Tiago Rafael, Pedro Moreira, Ricardo Oliveira "Caio", Luis Viana e Ricardo Silva.

Taça Intertoto: Sporting de Braga apurado


Sp. Braga apurado para a «pré» da UEFA
Sp. Braga, 3 - Sivasspor, 0
Minhotos brindam Sivass por com três golos sem resposta.
O Sp. Braga confirmou a entrada na segunda pré-eliminatória da Taça UEFA com uma vitória gorda e que não deixa dúvidas sobre a imensa superioridade em relação a este adversário turco. Cinco golos no conjunto das duas mãos convencem até o mais céptico.

A formação de Jorge Jesus despede-se da Taça Intertoto de sorriso nos lábios e cheio de moral. Seguem-se agora mais duas eliminatórias para corrigir uma última época desastrosa e confirmar este Sp. Braga como uma equipa definitivamente europeia.
Para o futuro ficam também bons sinais de uma formação que tem pouco a ver com a última época. Mesmo que seja uma equipa em construção, e a quem falta naturalmente melhores automatismos, nota-se que existe agora mais tranquilidade e confiança.
A equipa já não sente agora a bola queimar nos pés, como parecia acontecer no passado. Arrisca, tem maior profundidade, trabalha melhor as variações de flanco e sobretudo é temível nas bolas paradas. Esta tarde as melhores ocasiões de golo nasceram de livres.
Foi dessa forma, aliás, que chegou ao primeiro golo, por Matheus, depois de Wender, Moisés e Vandinho terem ficado perto de marcar em situações idênticas. É certo que o Sivasspor pareceu ser limitado nesse aspecto, mas o Braga também terá o seu mérito.
Depois, claro, e até porque colectivamente o entendimento ainda não é perfeito, ressalta evidente a qualidade de alguns jogadores bracarenses. Esta tarde o caso mais evidente foi Matheus: marcou o primeiro golo, assistiu o segundo e sofreu o penalty do terceiro.
Mas houve mais. Houve Wender, houve Luís Aguir nas bolas paradas, houve Moisés a mandar na defesa e houve Eduardo na baliza. Em duas grandes defesas o guarda-redes tornou-se fundamental neste resultado, até porque nessa altura prevalecia o nulo.
Aos poucos, portanto, Jorge Jesus parece estar a construir um plantel para dar que falar esta época. Existe matéria humana e vontade para isso. Para já, a construção começa por trás, pela consistência defensiva que esta tarde foi admirável. Com o tempo virá o resto.
Ficha de jogo:
Estádio Municipal Axa, em Braga.
Árbitro: Félix Brych (Alemanha) Assistentes: Thorsten Schiffner e Georg Schalk .
SP. BRAGA: Eduardo; João Pereira, Moisés, Leone e Evaldo; Frechaut; Vandinho, Luís Aguiar e Wender (Jorginho, 84m); Matheus (Stélvio, 71m) e Linz (Orlando Sá, 84m). Suplentes não utilizados: Kieszek, Rodriguez, Palmeira e Filipe Oliveira.
SIVASSPOR: Vardar; Abdurrahman (Bayar, 36m), Bilica (Solgelmei, 59m), Diallo e Ilhan; Sylla, Musa e Sérgio Pacheco; Devran, Balaili e Dagasan (Tum Herve, 54). Suplentes não utilizados: Volkan, Yilmas e Yerlikana.
Golos: Matheus (44m), Linz (56m) e Luís Aguiar (70m, g.p.) Disciplina: cartão amarelo para Sylla (26m), Wender (28m), Balaili (38m), Diallo (64m)

Foto de família no Estádio do Dragão


Porto, 26 de Julho - O FC Porto apresentou a equipa para a época 2008/09 e para a posteridade ficou a foto de família em pleno relvado do Estádio do Dragão.
FC Porto, 0 - Celtic, 1
Celtic "estraga" festa de apresentação
A festa foi bonita, o Estádio do Dragão registou as enchentes que servem de imagem de marca, mas não houve exuberâncias, nem surpresas. Ricardo Quaresma continua por cá. Quem ainda espera por uma cara nova, acredita que está só virá quando e se o número 7 mudar de dono.Partiram uns, chegaram outros, mas a estrutura persiste e não se prevêem alterações comportamentais que saltem à vista dos observados comuns. Ao longo do encontro particular, o 4x3x3 recuperou o seu espaço no rectângulo do Dragão. Hesselink, o desejado por Adriaanse na recta final da estadia no clube, ameaçou o final da festa, marcando o único golo do encontro (0-1). Entraram três reforços de caras (Sapunaru, Guarín e Cristian Rodriguez), mais dois nomes à procura de um novo começo. Jesualdo Ferreira deu um voto de confiança a Lino, arrancando a época com um esquerdino à esquerda, e apostou em Mariano como quarto reforço no onze do F.C. Porto 2008/09. O argentino já andou por cá, ao longo da última época, mas pretende agora justificar os milhões dispendidos pelo clube neste defeso, fixando-se na equipa a título definitivo. Os adeptos do F.C. Porto aplaudiram 25 jogadores (Stepanov está de luto e faltou à festa), mas a ficha de jogo subtraiu quatro nomes. Tarik recupera de lesão, Tengarrinha ainda é jovem, Hulk chegou agora. Resta Ricardo Quaresma. Está mas não joga. Voltando ao jogo, viu-se uma equipa mais agressiva na frente. Com Mariano e Rodriguez nos lugares de Tarik e Quaresma, os dragões têm garra e perdem algum efeito surpresa. A atacar, porque o Celtic só ameaçava de bola parada, o F.C. Porto utilizou Lucho como bússola (maior liberdade posicional, com Raul Meireles mais próximo da posição 6) e concentrou-se num centro de alta pressão, graças à raça sul-americana. Guarín vinha de trás, Mariano da direita, Rodriguez da equipa, Lisandro por todo o lado. E assim, ainda em força contra um adversário tradicionalmente duro, os dragões foram fazendo pela vida. Licha, por exemplo, cavou uma oportunidade de ouro negada por Boruc. Sapunaru, em dois lances de bola parada, errou por pouco o alvo. E, já na etapa complementar, servindo-se na bandeja de Lucho, Farías entrou para bater no muro de Boruc.Na segunda metade do encontro, como seria de esperar, Jesualdo Ferreira foi trocando com a equipa. Foi-se a coesão, naturalmente, e a velocidade da etapa inicial. Menos oportunidades, menos calor nas bancadas e um balde de água fria para a despedida, com bastante agressividade à mistura. Cruzamento na esquerda e um cabeceamento de Hesselink (sim, esse mesmo) entre os centrais do F.C. Porto; segundo Maisfutebol.

Futebol de Praia - Belchior de bicicleta


Marselha, 26 de Julho - Portugal ficou-se pelas meias-finais do Mundial de futebol de praia apesar do brilhantismo dos artistas nacionais, como é o caso de Belchior, aqui num belo gesto técnico.
MUNDIAL DE FUTEBOL DE PRAIA
Ainda bem que há três períodos...

Bailarinas em acção durante a meia-final do Mundial de Futebol de Praia, em Marselha, entre Itália e Espanha.

Tour de France - Só falta a consagração...


26 Julho, Saint-Amand-Montrond - O espanhol Carlos Sastre voltou a subir ao pódio para receber a camisola amarela do Tour. Domingo espera-o a etapa de consagração como vencedor da prova francesa...

Um gigante chinês entre 639 atletas


Pequim, 25 de Julho - Os atletas chineses que vão marcar presença nos Jogos Olímpicos fizeram o juramento de honra com vista à prova. Numa delegação com 639 atletas, o gigante Yao Ming destaca-se claramente...

Beckham em mais uma vitória


Toronto, 25 de Julho - David Beckham em acção durante o jogo entre a equipa All-Star da MLS e o West Ham, que ganhou por 3-2.

Basquetebol - Paul Pierce em Espanha


Espanha, 24 Julho - Paul Pierce, que esta época se sagrou campeão da NBA ao serviço dos Boston Celtics, está em Espanha para orientar um workshop destinado aos fãs do basquetebol. Depois de, em Junho, se autoproclamar “o melhor jogador do Mundo”, muitos serão aqueles que vão querer aprender com ele.

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Benfica apresenta mais três reforços


Lisboa, 24 de Julho - De uma assentada, o Benfica apresentou três reforços para a temporada. O central Sidnei, contratado ao Internacional de Porto Alegre, juntou-se a Jorge Ribeiro e Urreta, que já têm treinado no Seixal.

Boa estreia de Deco no Chelsea


Guangzhou, 23 de Julho - Deco estreia-se no Chelsea com uma vitória por 4-0 frente à equipa chinesa do Guangzhou Pharmaceutical. José Bosingwa e Ricardo Carvalho também fizeram parte do onze inicial.

Visita presidencial de Cabo Verde


Oeiras, 22 de Julho - O presidente de Cabo Verde, Pedro Pires, visita o Complexo Desportivo Carlos Queiroz, onde foi recebido pelo seleccionador nacional.

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Vela - Genuíno Madruga completa travessia


Genuíno Madruga completa travessia do Pacífico
O velejador açoriano Genuíno Madruga, que está a efectuar uma viagem de circum-navegação em solitário, completou domingo a longa travessia do Oceano Pacífico, depois de ancorar em Cullen Bay, no Norte da Austrália.
Segundo revelou fonte da organização desta segunda volta ao mundo do pescador da ilha do Pico, Genuíno Madruga completa, assim, a longa travessia que se prolongou por mais de três meses e meio. O velejador concluiu, com a chegada à Austrália, a sétima etapa da sua volta ao mundo, que incluiu escalas na Ilha de Páscoa, na Polinésia Francesa, em Tuamotu, na Samoa Ocidental e nas Fiji, entre outros locais. Segundo revela o seu diário de bordo, no site oficial da viagem, as primeiras palavras de Genuíno à chegada à Austrália foram feitas em português, com uma mulher, residente naquela zona, mas natural do Algarve, que entretanto casou com um australiano. Genuíno Madruga aproveitou esta escala para varar a sua embarcação, baptizada de “Hemingway”, para limpeza e pintura do casco, naquela que é a primeira varagem desde o início da aventura, e tudo indica, a única que o velejador terá de fazer até ao seu regresso aos Açores, previsto para Maio de 2009. A aventura do Genuíno Madruga à volta do mundo vai, praticamente, a meio, desde que partiu do porto das Lajes do Pico, em Agosto de 2007 para esta segunda aventura de circum-navegação, intitulada “O Desafio do Cabo Horn”, o ponto situado no extremo sul da América do Sul, que atravessou no início do ano, e que é conhecido pelos seus ventos e correntes fortes. Entretanto, Genuíno Madruga foi aceite na Confraria dos Capitães do Cabo Horn, como primeiro português a cruzar, em solitário, aquele cabo, de leste para oeste. O skipper efectuou a sua primeira viagem à volta do mundo em solitário entre Outubro de 2000 e Maio de 2002, na altura com partida e chegada no porto da Horta, na ilha do Faial, Açores.
Lusa/AO online

João Garcia no cume do Broad Peak


Paquistão, 19 de Julho - A imagem da consagração de João Garcia após a conquista do cume do Broad Peak (8.047m) no Paquistão. Depois de 11 montanhas com mais de 8.000 metros já escaladas, ficam-lhe a faltar o Manaslu, o Annapurna e o Nahga Parbat.

domingo, 20 de julho de 2008

CHIN - Internacional Picnic: Palco Português


Toronto, 1 de Julho de 2008 - Reportagem em fotos do que aconteceu no palco português com a presença especial da acordeonista Rosinha e o conjunto ''Os Delfins'' vindos directamente de Portugal, a 1 de Julho, dia do Canadá.


Taça Intertoto: Braga vence na Turquia


Taça Intertoto:
Sp. Braga vence na Turquia por 2-0
O Sp. Braga venceu este domingo o Sivasspor, na Turquia, por 2-0, em jogo da Taça Intertoto, e praticamente garantiu a passagem à segunda pré-eliminatória da Taça UEFA. Roland Linz, em período de descontos da primeira parte, e Moisés, aos 78 minutos, fizeram os golos que permitiram aos bracarenses partir com uma vantagem de dois golos para o jogo da segunda-mão, que se disputa no próximo domingo em Braga.
O jogo foi próprio de início de temporada, jogado num ritmo lento, às vezes algo duro e sem grandes ocasiões de golo. A formação portuguesa teve a primeira oportunidade de golo, por Paulo César, logo aos dois minutos, mas o brasileiro atrapalhou-se quando estava isolado e acabou por perder a oportunidade de marcar. Depois disso o Sivasspor cresceu e pregou alguns sustos junto da baliza do guarda-redes Eduardo.
Sobre o intervalo, porém, o golo de Linz. Um golo fundamental no desenrolar do jogo. Wender marcou um livre, o guarda-redes turco deixou a bola passar-lhe por baixo do corpo e Linz encostou para o fundo das redes. Logo a seguir veio o intervalo e no regresso dos balneários, em vantagem, Jorge Jesus trocou o avançado Paulo César por Stélvio Cruz, dando mais força e capacidade defensiva ao meio-campo bracarense.
A partir daí o Sp. Braga controlou o jogo. Apesar de ter maior domínio, os turcos só sobre a parte final do jogo obrigaram Eduardo a mais trabalho. Pelo meio Moisés fez o golo que praticamente acabou com a eliminatória. Um golo estranho. O central marcou de trás do meio-campo um livre bombeado, que o guarda-redes deixou que lhe batesse à frente e entrasse meio enrolado na baliza. Um frango monumental de Volkan.
Com este resultado, os bracarenses até podem perder em casa, desde que seja sempre pela margem mínima. Recorde-se que o Sp. Braga recebe no domingo o Sivasspor em jogo da segunda-mão e deve confirmar aí o apuramento para a segunda pré-eliminatória de acesso à Taça UEFA. Depois conhecerá um adversário apurado da primeira pré-eliminatória e terá pela frente mais duas eliminatórias até entrar na Taça UEFA.
Ficha de jogo:
Estádio 4 Eylul, em Sivas.
Árbitro: Douglas McDonalds (Escócia) Assistentes: James Dee e Lawrence Kerrigan.
Sivasspor: Volkan; Dereli, Bilica, Diallo e Hayrettin; Sylla (Sérgio Pacheco, 64m); Onur, Dagasan e Aydin (Hervé Tum, 53m); Yildiz e Balili (Bayar, 73m). Suplentes não utilizados: Vardar, Ummak, Aytaç Ak e Ayhan.
Sp. Braga: Eduardo; João Pereira, Moisés, Leone e Evaldo; Frechaut; Vandinho, Luís Aguiar (Matheus, 73m) e Wender (Filipe Oliveira, 90m); Paulo César (Stélvio, 46m) e Linz. Suplentes não utilizados: Kieszek, Madrid, Paulo Jorge e Rodriguez.
Golos: Roland Linz (45m) e Moisés (78m). Disciplina: cartão amarelo a Hayrettin (13m), Sylla (29m), Yildiz (54m) e Diallo (74m).
Taça Intertoto: Duarte Gomes na vitória do Nápoles na Grécia
O árbitro português Duarte Gomes dirigiu o embate entre o Panionios e o Nápoles, na Grécia. A formação transalpina alcançou uma vitória importante fora de portas, pela margem mínima, na primeira mão da Taça Intertoto.
O Panionios sucumbiu à derrota, sem utilizar Lourenço, avançado luso, e terá de operar a reviravolta na eliminatória em Itália, para garantir a passagem para a Taça UEFA.
Resultados da 3ª eliminatória (1ª mão)*
Sábado 19 de Julho:

Grasshoppers, 3 - Chernomorets Burgas, 0
Neftçi, 2 -Vaslui, 1
Sturm Graz, 0 - Honved, 0
Rennes, 1 - Tavriya, 0
Bnei Sakhnin, 1 - D. Corunha, 2
OB, 2 - Aston Villa, 2
Elfsborg, 1 - FK Riga, 0
Saturn, 1 - Estugarda, 0
NAC, 1 - Rosenborg, 0
Domingo, 20 de Julho:
Sivasspor, 0 - SP. BRAGA, 2
Panionios, 0 - Nápoles, 1
*Jogos da segunda mão marcados para 26 e 27de Julho.


Torneio Cidade de Albufeira:
Sporting perde 3-1 com Sunderland
O Sporting perdeu por 3-1 com o Sunderland no primeiro jogo "a sério" da pré-época, disputado em Albufeira. O brasileiro Ronny adiantou os "leões" no marcador através de um livre directo, aos 27 minutos, mas os ingleses deram a volta ao resultado na segunda parte com golos de Donovan (55’), Nosworthy (80’) e Stokes (81’).Derrotado o Santiago do Cacém, os “leões” enfrentavam um adversário da Premier League num estádio em que se sentiam como visitantes, tal o contingente de adeptos ingleses que invadiram a sempre britânicamente “familiar” Albufeira.Tal como prometera – no final da época passada – e experimentara – em treinos e no jogo com o Santiago do Cacém – Paulo Bento abdicou do losango e encostou os vértices à faixa lateral: sobre Izmailov na esquerda e Pereirinha na direita incidiam os holofotes, numa equipa onde faltavam os internacionais Moutinho, Veloso, Rui Patrício e o recém-contratado Hélder Postiga. Rochemback e Carriço eram as novidades num onze inicial maioritariamente composto por jogadores que integraram o plantel da época passada – ao contrário do que aconteceu com o Benfica ontem, frente ao Estoril.Começou bem o Sporting e poderia ter marcado ao minuto nove: Derlei fugiu pela esquerda e assistiu Yannick Djaló que, debaixo da baliza, conseguiu falhar. Falhou o avançado português, marcou um defesa brasileiro: Ronny, ou o “homem-bomba”, abriu o activo num livre em que o guarda-redes do Sunderland não ficou bem na fotografia.Os minutos finais da primeira parte pareceram-se em grande medida com os inciais da segunda. Jogava-se lento, o que é normal dada a fase de pré-época pela qual as equipas atravessam. O que já não deve muito à rotina é a o descalabro defensivo do Sporting na segunda parte, materializado em três golos do Sunderland marcados por Donovan (55’), Nosworthy (80’) e Stokes (81’) – já depois do avançado Chopra (por entrada violenta) e o treinador Roy Keane (por protestos) terem sido expulsos.O Sporting perde o torneio Cidade de Albufeira pela segunda vez consecutiva, já depois de ter visto o troféu fugir para o Minho em 2007 – derrota com o V. Guimarães.
FC PORTO NA ALEMANHA:
"Dragões" empatam com o Bochum (1-1)
O FC Porto terminou hoje o estágio na Alemanha com um empate a uma bola frente ao Bochum. A equipa da casa marcou ao início da segunda parte (48') por intermédio de Mavraj, mas Lino, de livre directo, repôs a igualdade, resultado que permaneceu intacto até ao final da partida.Terminar o estágio na Alemanha com um empate frente ao Bochum, décimo classificado da última edição da Bundesliga, jogo realizado no Rewirpower Stadion, em Bochum, soube a pouco tantas foram as oportunidades criadas e desperdiçadas pelos campeões nacionais.Foi, de facto, no capítulo de finalização que o FC Porto falhou. Logo aos 10’, Alan, isolado por Tomás Costa, remata para uma enorme defesa do guarda-redes do Bochum. O mesmo Alan, aos 24’, falhou nova chance, numa jogada em que Cristian Rodriguez, que cada vez mais se afirma como reforço de grande qualidade, também não acertou na baliza. O segundo tempo começou praticamente com o golo do Bochum, obra de Mavrai, aos 47’, num remate que embateu nos centrais portistas. A partir daí só deu FC Porto. Lisandro falhou pelo menos três oportunidades e Fucile obrigou o guardião do Bochum a nova grande parada. Até que, aos 85’, Lino, de livre directo, empatou o jogo. Jesualdo Ferreira só pode estar contente com o plantel que tem à sua disposição. E Quaresma ficou de fora, faltando ainda a tal surpresa de que Pinto da Costa já falou.
Fonte: O Jogo

Estoril - Benfica, 1-1 (crónica)
Três reforços, um golo, eis o Benfica 2008/09, esquematizado num 4x4x2 clássico que o espanhol Quique Flores tem imposto na pré-temporada encarnada. A partida frente ao Estoril foi jogada em ritmo ainda lento, com alguns dos jogadores encarnados a mostrarem que ainda estão algo presos no que respeita à forma física. Para além disso, o plantel tem de emagrecer como se percebeu pela diferença entre as equipas que actuaram em cada parte do jogo. A inicial deu conta de si, a segunda foi um grupo de rapazes a tentar provar valor. Desse modo, o jogo terminou num empate.
Ainda com muita gente no plantel, o primeiro onze benfiquista trouxe três reforços para os adeptos verem. Carlos Martins, Yebda e Balboa. Os primeiros deram nas vistas e fabricaram o golo encarnado, aos 12 minutos. Até aí, pouco se tinha visto. Apenas que Nuno Assis é uma solução de recurso na ala esquerda e que os dois avançados, Makukula e Dabao, estão muito pouco entrosados.
Curiosamente, as três caras novas dos encarnados estiveram envolvidas no 1-0. Balboa pode ter sido o reforço que deu menos nas vistas, mas sofreu a falta que levou Carlos Martins a colocar a bola na cabeça de Yebda. O francês valeu-se dos centímetros e, com boa impulsão, saltou por cima da defesa estorilista e atirou a contar. Saiu logo depois e entrou Ruben Amorim. O mercado benfiquista rende frutos na pré-época, mas ainda é demasiado cedo para avaliar a mais-valia das contratações.
De resto, a primeira parte serviu para confirmar algumas indicações da temporada passada. Léo continua igual a si próprio, Assis quando encosta à ala flecte em demasia para o miolo e Luís Filipe mostrou dificuldades já vistas antes. Ainda assim, o Benfica não passou por grandes calafrios e esteve sempre mais perto do 2-0 que o Estoril do empate. Carlos Martins tentou assumir o jogo a meio terreno e teve um belo remate de pé esquerdo, ao qual os seguidores encarnados gritaram golo. A bola bateu na malha mas pelo lado de fora.
Um remate de Marco Bicho foi o único apontamento de perigo do Estoril, já perto do intervalo.
Na segunda parte, muitas mudanças em ambos os lados, com Quique Flores a deixar Migyel Vítor, Léo, Carlos Martins, Balboa, Dabao e Makukula no banco e a lançar João Pereira, Sepsi, Binya, André Carvalhas, Urretavizcaya e Nélson Oliveira. Ou seja, ocasião para alguns marcarem pontos e mostrar serviço ao técnico espanhol, que ainda tem de decidir os jogadores que não ficarão no grupo.
Percebeu-se logo que o segundo tempo seria muito diferente, tal era a juventude apresentada pelos encarnados. Assim, não foi de espantar que o Estoril chegasse ao empate. Nélson Oliveira perdeu a bola a meio-campo, Bafode recuperou-a e lançou Nuno Sousa. João Pereira tentou o fora-de-jogo, deixando o avançado do Estoril na cara de Moreira, para uma finalização eficaz.
O Benfica desceu claramente nos segundos 45 minutos, sofreu o empate e não perdeu porque Moreira evitou o segundo golo estorilista. Ou seja, dos 90 minutos, os adeptos quererão apenas lembrar os pormenores de equipa do primeiro tempo.
fonte: maisfutebol

Fórmula 1 - Hamilton volta a festejar


Hockenheim, 20 de Julho - O britânico Lewis Hamilton isolou-se na liderança do Mundial de Fórmula 1 após vitória no Grande Prémio da Alemanha, naquele que foi o seu 8.º triunfo em 27 provas.
-in record.

Deco mantém 20 no Chelsea


Cobham, 18 de Julho - Deco foi apresentado como reforço do Chelsea numa conferência de imprensa que contou também com Scolari. O internacional português vai vestiar a camisola 20, que era de Paulo Ferreira.

Inter de Milão mostra novos equipamentos


Appiano Gentile, 18 de Julho - O Inter Milão apresentou os novos equipamentos para 2008/09. Adriano, Zanetti, Júlio César, Materazzi e Mancini, acompanhados por Mourinho, serviram como modelos.
- in record.

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Sporting CP - Ricardo Baptista é leão


Lisboa, 16 de Julho - O guarda-redes Ricardo Baptista foi apresentado como reforço do Sporting, tendo assinado um contrato de 3 anos com o clube de Alvalade.
in - Record

AC Milan - Ronaldinho já está em Itália


Milão, 16 de Julho - O internacional brasileiro Ronaldinho Gaúcho já está em Milão depois da longa negociação entre AC Milan e Barcelona. O futebolista segue os passos de outro Ronaldo, o Fenómeno, que também saiu de Espanha para Itália.
in - Record

terça-feira, 15 de julho de 2008

Inter de Milão - Dá cá aquele abraço Mancini


Milão, 15 de Julho - José Mourinho dá as boas vindas a Amantino Mancini durante a conferência de imprensa de apresentação do jogador como reforço do Inter.
in-Record

Galegos !!! reforços do Deportivo Coruña


Corunha, 14 de Julho - O central português Zé Castro e o guarda-redes Dani Aranzubía apresentados como reforços do Deportivo Coruña para a próxima época. O defesa-central chegou a ser equacionado para o plantel do Sporting durante a indefinição do processo Grimi.
in -Record

segunda-feira, 14 de julho de 2008

Taça Intertoto - Braga defronta turcos


Sporting de Braga vai defrontar turcos do Sivasspor
O Sporting de Braga vai defrontar o Sivasspor na terceira eliminatória da Taça Intertoto de futebol, depois da equipa turca de Sivas ter hoje garantido a vitória na segunda ronda da competição.
Na primeira mão a equipa turca, terceira no seu campeonato com os mesmos pontos do Fenerbahce (2º) e do Besiktas (4º), a seis pontos do campeão Galatasaray, tinha empatado a dois golos com os montenegrinos do Grbalj Radanovici. Hoje venceram em casa por 1-0. Os jogos entre os "arsenalistas" e Sivasspor estão agendados para 19/20 de Julho e 26/27 de Julho, embora os bracarenses ainda possam vir a beneficiar de uma entrada directa na Taça UEFA, caso o organismo exclua o FC Porto da Liga dos Campeões. O Sporting de Braga terminou sábado o estágio em Óbidos, com um empate 1-1 frente à União de Leiria, equipa que na última época desceu à Liga de Honra. A equipa minhota, na última temporada orientada por Jorge Costa e depois por Manuel Machado, tem este ano como treinador Jorge Jesus, antigo técnico do Belenenses.
Lusa/AO online

domingo, 13 de julho de 2008

CARABRAM' 2008 - Festival de Culturas


CARABRAM' 08 - FESTIVAL MULTICULTURAL DE BRAMPTON
Pavilhão de Portugal foi dignamente representado no Centro Cultural Vasco da Gama com muito entertenimento, artesanato e gastronómia
O Festival Multicultural de Brampton ''CARABRAM' 08'', celebrou este ano 26 anos desde que foi incorporado nos eventos anuais realizado na cidade das flores.
No passado fim-de-semana nos dias, 11, 12 e 13, todos os caminhos foram dar á cidade de Brampton com a realização do 26º Festival de Culturas ''CARABRAM' 08'', que contou este ano com 14 pavilhões espalhados pela cidade.
Com um passaporte de $8.00 válido por três dias, todas as pessoas que o adquiriram tiveram a oportunidade de viajar á volta do mundo visitando as 14 culturas que representaram estes festival multicultural e apreciar e saborear, o entertenimemento, artesanato e culinária com fabulosos pratos tradicionais dos países representados ao longo dos três dias.

O pavilhão de Portugal marcou presença mais uma vez, no salão de festas decorado a preceito do Centro Cultural Vasco da Gama, situado a norte da cidade de Brampton, mais própriamente na Fisherman Drive e contou com um leque de variedades e entertenimento no decorrer dos três dias, artesanato, história e gastrónomia, que foi dignamente representado pelos menbros do Vasco da Gama.
O programa começou na sexta-feira, dia 11 de Julho, pelas 18:00 hora, com a abertura do pavilhão de Portugal, onde entoaram os hinos de Portugal e do Canadá e foi dado as boas vindas aos convidados.
O mestre de cerimónia do pavilhão de todos nós, foi o responsável de relações públicas do C.C. Vasco da Gama, Manuel Alexandre, que apresentou o vasto e variado programa ao longo do evento com muita música e entertenimento.

Na parte do entertenimento que se deu continuamente, abriu com a cantora Ashley Sousa, seguindo-se uma noite de fados com Tony Câmara e Humberto Silva que foram acompanhados pelos guitarristas Gabriel Teves e Januário Araújo. Depois foi a vez do conhecido artista, Mano Belmonte cantar algumas canções do seu repretório. O acordeonista David Viveiros também tocou algumas molodias da música portuguesa para dançarem ao som do seu acordeão. Logo de seguida deu-se a entrada do Rancho Folclórico da Nazaré, que foi muito aplaudido pelas suas danças bem corridindas tradicionais da vila da Nararé.
Dando continuidade ao entertenimento foi a vez do grupo de acordionistas do Arsenal do Minho de Toronto e da Associação Cultural de Barcelos tocar e cantar alguns números da música tradicional do norte de Portugal, que foi bem vivida por todos os visitantes. A noite encerou com baile com música do DJ.
No que diz respeito ao artesanato, logo na entrada estava tudo bem decorado com muitos artigos decorativos de Portugal continental, Madeira e Açores. História de Portugal, rendilheiras, guitarras e violas, Escolas e igrejas, livros e várias roupas e vestimentos tradicionais que se ousavam em várias regiões do nosso país. Enfim, houve muito para ver e apreciar para os interressados em conhecer melhor os usos de costumes dos portugueses que estavam bem patentes em exposição ao público.

Na gastrónomia, foi muitos os pratos deliciosos da tradicional cozinha portuguesa que os visitantes tiveram oportunidade de saborear, que foi confecionados pelo ''Catita's Catering'', enquanto mesmo ao lado, a doçaria e confecção de pastéis e doces foi a padaria ''Golden Grains'' os responsávies pelo serviço prestado no nosso pavilhão.
Não faltou também a prova do nosso vinho do Porto logo de entrada no salão, para os interessados em provar os nossos famosos vinhos portugueses.
No sábado, dia 12, o programa repetiu-se ao longo do dia, começando com a música do acordeonista David Viveiros, Mano Belmonte, Ashley Sousa e Iraides e Tony Câmara que cantaram para todos os presentes. Quanto aos grupos folclóricos actuaram o Rancho do Académico de Viseu, As Tricanas e o Rancho da Nazaré.

No final da noite o pavilhão recebeu a visita da presidente da câmara municipal da cidade de Brampton, Mayer Susan Fennel, que veio acompanhada do Regional Councillor, John Sanderson. A Mayer reconheceu o convite como também agradeceu a todos os portugueses pela representação do pavilhão de Portugal no ''CARABRAM' 08''. A noite terminou com baile com música de DJ.

No domingo, dia 13, último deste certame do Carabram, Ashley Sousa e acordeonista David Viveiros marcaram presença novamente, seguindo-se o Rancho Folclórico ''Raízes das Beiras'' , Rancho da Nazaré, Acordeonistas do Arsenal do Minho e Mano Belmonte, terminou a noite de entertenimento. Seguiu-se a cerimónia de encerramento e agradecimento pelo trabalho e sucesso alcançado pelo nosso pavilhão em nome de Portugal e dos portugueses.
Texto e fotos de: João G. Silva.